Sexta-feira, 15 de Janeiro de 2010

Homilias de 7 minutos

Marcelo Rebelo de Sousa é especialista em “missas”.

E prepara-as bem, ao contrário do que fazem muitos padres.

 

 

Ontem, o professor lançou uma “fatwa” aos mais de 300 sacerdotes que tinha à sua frente, em Braga:

“A homilia deve ser curta e incisiva e com 2 ou 3 ideias fortes.

Tudo o que passe dos 7 minutos é estar a falar para as paredes.”

 

Nem mais, professor!

Eu já só vou à igreja quando ela está vazia e em silêncio.

É um excelente local para reflectir e pensar na vida.

 

Na verdade,

raramente trouxe novas mensagens de uma homilia.

Cansei-me dos sermões e das lições de moral.

 

Luís Castro

publicado por Luís Castro às 14:00
link do post | comentar
48 comentários:
De maria moura a 15 de Janeiro de 2010 às 17:03
Olá Luis,
Só um verdadeiro Mufti se atreveria a tanto. Este tipo de observação é bastante oportuna, induzirá à reflexão e o que leva as pessoas "crentes" a desmotivarem e a afastarem-se da "casa de Deus". A nossa realidade (politica, económica, religiosa, etc) é a deste século. Vivermos no presente para o passado é limitarmo-nos à estagnação. Mas se me permitem a expressão "tiro o chapéu" ao Marcelo Rebelo de Sousa. Eu substituí as missas por meditação. É fantástico, traz-me um equilibrio interior extraordinário. Mas este tema fica para outro post.
bj
mmoura
De Luís Castro a 15 de Janeiro de 2010 às 17:51
Bem observado.
Bj e bom fds.
LC
De Felipa a 15 de Janeiro de 2010 às 19:42
O padre Marcelo Rossi disse um dia numa entrevista que as homilias não devem ultrapassar os três minutos. Disse que até aí é Deus quem fala, a partir daí é o Demónio.
Concordo. Mas confesso que há padres que cativam mais do que outros, há padres que falam e sabem o que hão-de dizer e outros que dizem o que acham que devem dizer. Aí está toda a diferença.
De Luís Castro a 18 de Janeiro de 2010 às 17:09
Alguns nem se aguentam 3 minutos...
Ab.
LC
De Ana Mendes a 16 de Janeiro de 2010 às 13:47
Nunca estive tão de acordo com o Professor Marcelo rebelo de Sousa.
Não importa falar muito. Importa, sim, falar bem.
De Luís Castro a 18 de Janeiro de 2010 às 17:13
E ter algo para dizer!
Bj
LC
De Diogo Rodrigues a 16 de Janeiro de 2010 às 14:51
As missas com a sua longa duração tornam-se bastante chatas e não dizem nada de novo, se eu só voltar a ir à missa daqui a um ano provavelmente ouço a mesma coisa.



Luís ontem fui assistir ao debate mensal no parlamento, sinceramente nunca vi tantos deputados ao mesmo tempo no facebook, telemóveis a tocar, a falarem em amena cavaqueira, uma festa

abraço

Diogo Rodrigues
De Luís Castro a 18 de Janeiro de 2010 às 17:24
É uma festa!
Ab.
LC
De Lionce a 16 de Janeiro de 2010 às 16:11
Isto não tem nada a ver com este poste, mas horripila-me vêr estes telejornais na RTP grrrrrrrr
E mais uma vez a "vergonha nacional" dos nossos telejornais, na cobertura do horror Haitiano. Destaque para a RTP que pagamos do nosso bolso. O ALberto Carvalho não é assim tao profissional como se pensa! E vós que dizeis, dos excessos e da xincalharia das nossas TV's?
Tenho acesso a outros canais europeus e mundiais. Fazem a informação devida, com muito saber e discrição! Aqui em Portugal? Zapzaping...
De Felipa a 16 de Janeiro de 2010 às 17:47
Não percebi isso de "vergonha nacional", pode explicar?
De Luís Castro a 18 de Janeiro de 2010 às 17:35
Visto.
LC
De Luís Castro a 18 de Janeiro de 2010 às 17:26
Respeito a sua opinião, embora discorde.
Abraço e uma boa semana.
Volte sempre.
Luís Castro
De SANTOS a 20 de Janeiro de 2010 às 22:46
JA AGORA LUIS COMO E DA RTP PODE FAZER UM FAVOR ? FAZER ALGO PARA QUE NÃO VEJAMOS AS MÃOS DO ZE RODRIGUES DOS PRANTOS QUANDO APRESENTA O TELEJORNAL E PORQUE REALMENTE E MUITISSIMO FEIO E QUE SO NA TV PORTUGUESA E QUE SE VË DESTAS COISAS VALHA-NOS SR SANTO CRISTO DOS ACORES. O RAIO DO HOMEM ATE PARECE QUE LHE CAIU HAITI EM CIMA E DUMA TRISTESA UM SORRISO NOS LABIOS NAO LHE FICAVA MAL? NAO E SR RODRIGUES DOS SANTOS?§ JA AGORA ESPERO QUE O REPORTER QUE FOI FERIDO NO NOVO CISMO DO HAITI SE RESTABLESSA O MAIS DEPRESSA POSSIVEL.
ABRACO
De Luís Castro a 21 de Janeiro de 2010 às 16:05
O Vítor está a recuperar bem.
Obrigado.
Ab.
LC
De Francisco a 23 de Janeiro de 2010 às 10:56
O palhaço do Rodrigues dos Prantos, da RTP viajou para o Haiti... fazer reportagem, meter o nariz na porcaria! Viram aquele directo do telejornal? Que grande ousadia!
De Luís Castro a 23 de Janeiro de 2010 às 15:47
Visto.
LC
De Felipa a 23 de Janeiro de 2010 às 22:03
Dor de cotovelo dói, hem?
De Luís Castro a 27 de Janeiro de 2010 às 07:41
Visto.
LC
De Rainbow a 16 de Janeiro de 2010 às 20:40
Caro Luís,
Para mim o tempo da homilia não é muito importante! Se for uma homilia bem conseguida e explicada de forma cativante, podia estar horas e horas a ouvi-la!
No entanto, é sempre bom ser directo, sem rodeios!
Cumprimentos,

Rainbow
De Luís Castro a 18 de Janeiro de 2010 às 17:36
Pois... os rodeios.
Alguns "rodeiam" tanto que não se percebe o que querem dizer.
Ab.
LC
De Rainbow a 19 de Janeiro de 2010 às 18:12
É verdade!
De Luís Castro a 21 de Janeiro de 2010 às 15:36
Visto.
LC
De Joana a 16 de Janeiro de 2010 às 21:52
De Luís Castro a 18 de Janeiro de 2010 às 17:37
Schukram!
LC
De Joana a 18 de Janeiro de 2010 às 18:15
Falta a outra parte : shukram ...
Não me atrevo a escrever que ia sair mal !! lol
Beijo
De Luís Castro a 21 de Janeiro de 2010 às 15:24
Habibi.
LC
De Virgínia a 17 de Janeiro de 2010 às 08:45
Bom dia Luis
O Professor Marcelo Rebelo de Sousa tem toda a razão.
Uma dúvida: Porque é que ele se queixou que o programa "As escolhas de Marcelo" estava cada vez com menos tempo?
"As escolhas de Marcelo" é um programa muito interessante e eu gosto muito do professor, mas às vezes parece mesmo uma homilia.
Resto de bom domingo.
Beijo
De maria moura a 17 de Janeiro de 2010 às 15:25
Depois da minha abusiva "palhaçada" sobre o assunto, tenho a dizer que:
Uma boa notícia é saber que o presidente da Camara de Lisboa, por uma questão de "respeito religioso", vai manter a tradição das "noivas de Stº António" exactamente como até aqui, só acessivel a heterossexuais. É tb uma questão de respeito recíproco, os heterossexuais respeitam os homossexuais (contrato civil), os homossexuais respeitam os heterossexuais, pois perante a Igreja (Deus) o casamento é a união entre um homem e uma mulher.
Ab.
mmoura
De Jota a 18 de Janeiro de 2010 às 13:11
Não vejo porque razão o presidente da camara de Lisboa ia autorizar o casamento do homosexuais , visto que ele não tem nada a ver com a igreja, ele tem sim a ver com o casamento civil, porque até à data de hoje o casamente para maricas e lambedeiras ainda não é autorizado na igreja etc etc.
De maria moura a 18 de Janeiro de 2010 às 13:37
Transcrevo da Sábado 16/01
-"Camara nega alterações nos casamentos de Santo António". "O Presidente da Camara Municipal de Lisboa António Costa, afirmou hoje em comunicado que não haverá qualquer alteração ao figurino "das noivas de Santo António".
"... Costa afirmou que é necessário respeitar os sentimentos religiosos associados à figura de Santo António, um Santo da Igreja Católica Apostólica Romana.
O comunicado surgiu depois de algumas notícias afirmarem que a Igreja Católica se recusava a participar na iniciativa se esta integrasse casais homossexuais."
PS: desnecessários os adjectivos por si utilizados.
mmoura
De Luís Castro a 18 de Janeiro de 2010 às 17:46
Visto.
LC
De Luís Castro a 18 de Janeiro de 2010 às 17:44
Visto.
LC
De Luís Castro a 18 de Janeiro de 2010 às 17:38
Visto.
LC
De Luís Castro a 18 de Janeiro de 2010 às 17:37
É uma missa dominical!
LOL
Ab.
LC
De Filipe a 17 de Janeiro de 2010 às 18:15
Olá

Gostaria de pedir para que o telejornal passe em rodapé os números da conta da Missão Haiti da AMI.

Fico desde já agradecido.

Filipe
De Luís Castro a 18 de Janeiro de 2010 às 17:41
Visto.
LC
De Sónia Pessoa a 17 de Janeiro de 2010 às 18:47
Assino por baixo. Beijinhos
De Luís Castro a 18 de Janeiro de 2010 às 17:41
Visto.
LC

Comentar post

Reportagem Angola - 1999



Reportagem Iraque - 2005


Reportagem Guiné - 2008


Reportagem Guiné - 2008


Reportagem Afeganistão - 2010

Livros

"Repórter de Guerra" relata alguns dos conflitos por onde andei. Iraque, Afeganistão, Angola, Cabinda, Guiné-Bissau e Timor-Leste. [Comprar]



"Por que Adoptámos Maddie" aborda o fenómeno mediático gerado à volta do desaparecimento de Madeleine McCann. [Comprar]


Sugestões para reportagem



Milhão e meio de portugueses elegem diariamente o Telejornal da RTP.
E porque o fazemos para vós, quero lançar-vos um desafio: proponho que usem o meu blogue para deixarem as vossas sugestões de reportagem.

Luís Castro
Editor Executivo
Informação - RTP

E-mail: cheiroapolvora@sapo.pt

Perfil

Jornalista desde 1988
- 8 anos em Rádio:
Rádio Lajes (Açores)
Rádio Nova (Porto)
Rádio Renascença
RDP/Antena 1

- Colaborações em Rádio:
Voz da América
Voz da Alemanha
BBC Rádio
Rádio Caracol (Colômbia)
Diversas - Brasil e na Argentina

- Colaborações Imprensa:
Expresso
Agência Lusa
Revistas diversas
Artigos de Opinião

RTP:
Editor de Política, Economia e Internacional na RTP-Porto (2001/2002)
Coordenador do "Bom-Dia Portugal" (2002/2004)
Coordenador do "Telejornal" (2004/2008)
Editor Executivo de Informação (2008/2010)

Enviado especial:
20 guerras/situações de conflito

Outras:
Formador em cursos relacionados com jornalismo de guerra e com forças especiais
Protagonista do documentário "Em nome de Allah", da televisão Iraniana
ONG "Missão Infinita" - Presidente

Obras publicadas:
"Repórter de Guerra" - autor
"Por que Adoptámos Maddie" - autor
"Curtas Letragens" - co-autor
"Os Dias de Bagdade" - colaboração
"Sonhos Que o Vento Levou" - colaboração
"10 Anos de Microcrédito" - colaboração

Pesquisar blog

Arquivos

Abril 2016

Janeiro 2016

Outubro 2015

Junho 2015

Maio 2015

Fevereiro 2013

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Agosto 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Categorias

política

economia

angola 2008

iraque 2008

sexo

afeganistão 2010

mau feitio

televisão

eua

mundo

amigo iraquiano

futebol

curiosidades

telejornal

saúde

iraque

missão infinita

religião

repórter de guerra - iraque

euro2008

guiné

humor

repórter de guerra - cabinda

acidentes

criminalidade

jornalismo

polícia

segurança

solidariedade

rtp

sociedade

terrorismo

afeganistão

caso maddie

crianças talibés

desporto

diversos

férias

futuro

justiça

todas as tags

subscrever feeds