Domingo, 10 de Outubro de 2010

Enquanto há Visa... há esperança!

Dívida nos cartões de crédito

aumenta 15 mil euros a cada segundo!!!

 

 

Quem te Visa... teu amigo é !!!

 

 

 

publicado por Luís Castro às 22:34
link do post | comentar
9 comentários:
De Manu a 11 de Outubro de 2010 às 01:03
pois...lol
***
:))
De Luís Castro a 11 de Outubro de 2010 às 08:22
Despois não digam que eu não avisei!
Loooool
De Manu a 11 de Outubro de 2010 às 23:59
pois....Obgd Luis...... ganda amigalhaço!!
:)
***************
De Sónia Pessoa a 11 de Outubro de 2010 às 20:18
Estes cartões são a tentação e a desgraça de muito boa gente...
De Maria Araújo a 11 de Outubro de 2010 às 23:14
Os bancos aliciam as pessoas. Estas esquecem que têm de pagar e com juros.
Sinceramente, já utilizei com mais frequência o Visa, mas para compras que não me dava gente pagar na hora.
Mas são raras as vezes que o utilizo.
Já pensei em desistir dele.
Estou tranquila.
Que Visa amigo é, e eu agradeço.

Beijinho
De Kok a 12 de Outubro de 2010 às 16:27
Já tive.
Usei sem abusar!
Com o preço da anuidade a crescer o melhor foi acabar!

É certo que os bancos anunciam facilidades "do caraças" e o pessoal embarca nisso fruto de uma cultura implantada por diversos agentes económicos. Há que abrir os olhos e aceitar os avisos: quem te aVISA...

1 Abraço!
De Joao Silva a 12 de Outubro de 2010 às 20:01
Caro Luis :
A mim sempre me deu muito jeito ter cartão Visa.È só preciso usar com conta peso e medida...o que nem sempre é fácil .
Abraço
De Virgínia a 13 de Outubro de 2010 às 08:16
Bom dia Luís
Nunca tive nem tenho qualquer cartão de crédito.
O meu banco de vez em quando manda-me um, por acaso entrego-os senão tinha uma linda colecção.
Ainda ontem recebi uns panfletos a oferecer um Crédito Pessoal pré-aprovado de 4.250,00 € com uma prestação mensal de apenas 116,58 a 60 meses o que fazendo as contas, no final teria pago 6.994,80 € e o banco arrecadado 2.744,80 € só em juros!
Que pena o nosso dinheiro não render assim!
E os cheques que me enviam? O último foi de 13.250,00 €, é só depositar e pagar em 60 meses com um balúrdio em juros.
Apresento estes exemplos porque a minha conta neste banco já foi uma conta-ordenado, mas há quase nove anos que eu me despedi do meu trabalho para cuidar dos meus pais.
Na realidade sou uma pessoa desempregada, sem reforma porque além de não ter idade nunca fui trabalhadora do Estado, aí já podia ter a reforma.
Vivo bem; é como lhe disse num outro post, vivi sempre abaixo das minhas possibilidades.
Sabe qual era o meu lema? Ganhar 100, viver para 60 para gastar 80.
Bem, Luís, é preciso ter muito controle e não dar 'passo maior que a perna'.
Beijo

De A Simões a 17 de Outubro de 2010 às 22:34
Hoje, ao almoço, ouvi um comentário, na mesa ao lado:
-Quando o dinheiro dos velhos acabar, é um buraco a sério, a malta nova só tem cartões e dívidas!
A princípio achei exagerado, mas, pensando um pouco, aquela afirmação nem é tão descabida assim.

Comentar post

Reportagem Angola - 1999



Reportagem Iraque - 2005


Reportagem Guiné - 2008


Reportagem Guiné - 2008


Reportagem Afeganistão - 2010

Livros

"Repórter de Guerra" relata alguns dos conflitos por onde andei. Iraque, Afeganistão, Angola, Cabinda, Guiné-Bissau e Timor-Leste. [Comprar]



"Por que Adoptámos Maddie" aborda o fenómeno mediático gerado à volta do desaparecimento de Madeleine McCann. [Comprar]


Sugestões para reportagem



Milhão e meio de portugueses elegem diariamente o Telejornal da RTP.
E porque o fazemos para vós, quero lançar-vos um desafio: proponho que usem o meu blogue para deixarem as vossas sugestões de reportagem.

Luís Castro
Editor Executivo
Informação - RTP

E-mail: cheiroapolvora@sapo.pt

Perfil

Jornalista desde 1988
- 8 anos em Rádio:
Rádio Lajes (Açores)
Rádio Nova (Porto)
Rádio Renascença
RDP/Antena 1

- Colaborações em Rádio:
Voz da América
Voz da Alemanha
BBC Rádio
Rádio Caracol (Colômbia)
Diversas - Brasil e na Argentina

- Colaborações Imprensa:
Expresso
Agência Lusa
Revistas diversas
Artigos de Opinião

RTP:
Editor de Política, Economia e Internacional na RTP-Porto (2001/2002)
Coordenador do "Bom-Dia Portugal" (2002/2004)
Coordenador do "Telejornal" (2004/2008)
Editor Executivo de Informação (2008/2010)

Enviado especial:
20 guerras/situações de conflito

Outras:
Formador em cursos relacionados com jornalismo de guerra e com forças especiais
Protagonista do documentário "Em nome de Allah", da televisão Iraniana
ONG "Missão Infinita" - Presidente

Obras publicadas:
"Repórter de Guerra" - autor
"Por que Adoptámos Maddie" - autor
"Curtas Letragens" - co-autor
"Os Dias de Bagdade" - colaboração
"Sonhos Que o Vento Levou" - colaboração
"10 Anos de Microcrédito" - colaboração

Pesquisar blog

Arquivos

Abril 2016

Janeiro 2016

Outubro 2015

Junho 2015

Maio 2015

Fevereiro 2013

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Agosto 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Categorias

política

economia

angola 2008

iraque 2008

sexo

afeganistão 2010

mau feitio

televisão

eua

mundo

amigo iraquiano

futebol

curiosidades

telejornal

saúde

iraque

missão infinita

religião

repórter de guerra - iraque

euro2008

guiné

humor

repórter de guerra - cabinda

acidentes

criminalidade

jornalismo

polícia

segurança

solidariedade

rtp

sociedade

terrorismo

afeganistão

caso maddie

crianças talibés

desporto

diversos

férias

futuro

justiça

todas as tags

subscrever feeds