Terça-feira, 29 de Setembro de 2009

Tanto barulho para isto?

 

Afinal basta um bom técnico de informática para resolver o problema de Cavaco Silva!

 

 

O que o Presidente dissera:

- Que não é ingénuo.

- Que depois das eleições iria pedir explicações sobre Segurança.

 

O que o Presidente disse:

- Que o PS tentou colá-lo ao PSD.

- Que foi forçado a divulgar as suas leituras pessoais

 

O que o Presidente não disse:

- Suspeita ter sido escutado?

- Mandou Fernando Lima plantar uma notícia no Público?

 

O que o Presidente não tem bem a certeza:

- Pelo que lhe disse, Fernando Lima não falou em nome do PR.

- Pelo que lhe dizem, elementos da Casa Civil não participaram na elaboração do programa eleitoral do PSD.

 

O que o Presidente teme:

- Que os seus mails possam ser violados .

- Que há vulnerabilidade no sistema informático da Presidência da República

 

O que o Presidente pergunta várias vezes:

- É crime ter suspeitas?

- Será que alguém lê os meus mails?

 

Após ESCUTAR bem o PR, pergunto eu:

 

Era necessária tanta polémica e suspense?

Não deveria o PR ter esclarecido logo as dúvidas?

Não deveria ter colocado um ponto final no assunto durante a sua intervenção ao país?

Cavaco Silva hipotecou um segundo mandato pela forma como geriu a polémica das escutas?

Como será o seu relacionamento daqui em diante com José Sócrates?

Como fica o Jornalismo no meio de toda esta confusão?

Como estarão os portugueses a ver tudo isto?

 

Espero pelas vossas respostas - pertinentes, como sempre.

 

Luís Castro

publicado por Luís Castro às 21:58
link do post | comentar | ver comentários (46)

Quem diria

– Manchete do “I”:

“PSD revoltado com Cavaco depois do mau resultado eleitoral”

– Marco António, líder do PSD Porto:

“PSD deve fechar a página do Cavaquismo”

– Manchete de “O Diabo”.

“Aníbal tem medo dos telefones fixos”

 

Diz o Correio da Manhã que Cavaco Silva não deu os parabéns a José Sócrates pela vitória de domingo.

 

Pois bem, o PR vai falar ao país às 20 Horas.

Será que tem provas?

Este fim-de-semana garantiram-me que sim.

Prefiro não comentar.

Aguardemos pelas oito da noite.

 

Luís Castro

Categorias: ,
publicado por Luís Castro às 01:14
link do post | comentar | ver comentários (34)
Segunda-feira, 28 de Setembro de 2009

E agora ?

Como sempre acontece, todos ganharam.

 

Sócrates venceu as eleições;

Ferreira Leite teve uns pozinhos mais do que Santana Lopes;

Portas conseguiu o melhor resultado dos últimos 26 anos para o PP;

Jerónimo aumentou 30 mil votantes;

Louça arrecadou mais 200 mil simpatizantes para o Bloco.

 

 

Na verdade, o único que pode cantar vitória é Paulo Portas.

Apontado nas sondagens como o quarto ou quinto partido na tendência dos votos, o CDS-PP ultrapassou o BE e é agora a ser a terceira maior força partidária.

 

 

O Bloco, apesar de duplicar os assentos parlamentares, o certo é que chegou a ter 16% nas sondagens e não ultrapassou os dois dígitos. Dos 30 deputados que chegaram a projectar como possíveis de alcançar, ficaram-se pelos 16. O BE prometeu mais do que conseguiu.

 

 

O PSD ficou abaixo dos 30%, teve poucas décimas mais do que conseguira com Santana Lopes, não derrotou o PS e registou o 4º pior resultado desde 1976. Perdeu uma oportunidade histórica. Teve todas as condições para o conseguir.

 

 

A CDU é a última força política. Muito pouco para uma coligação e para um líder que é considerado por muitos como o mais coerente de todos.

 

 

O PS perdeu a maioria.

Venceu, é verdade, mas viu fugir mais de meio milhão de votantes.

 

Sócrates diz que conseguiu uma “vitória extraordinária”. Não diria tanto, mas esta vitória é quase só dele. Merece continuar a governar,só que os portugueses não lhe quiseram dar a maioria.

Ferreira Leite esforçou-se, mas os sociais democratas disseram-lhe que é altura de renovar o partido. Este PSD precisa de se reencontrar com o seu eleitorado.

Louçã terá de se definir: o Bloco é um partido de protesto ou com aspirações a ser poder?

Jerónimo terá de procurar eleitorado. A Democracia e os trabalhadores precisam do PCP.

Portas será – muito provavelmente – a principal muleta do PS para acordos pontuais e já lembrou os socialistas que terão de negociar.

 

Mais uma vez – o que já vem sendo hábito –, acompanhei a noite eleitoral fora da RTP. Entre os muitos telefonemas e as emissões das televisões, ouvi de um amigo a frase da noite:

“Estas eleições não resolveram nada e complicaram tudo”.

Concordam?

 

Luís Castro

 

*** Vejam o primeiro voto de um pinguim e ajudem-no em:

 

http://www.rumoantarctica.com/

 

 

                   

Categorias: ,
publicado por Luís Castro às 01:23
link do post | comentar | ver comentários (20)
Sábado, 26 de Setembro de 2009

Votem no Luís !!!

 

http://www.rumoantarctica.com/

 

Luis Castro

publicado por Luís Castro às 19:08
link do post | comentar | ver comentários (4)
Sexta-feira, 25 de Setembro de 2009

Vale a pena!

Continua indeciso/a?

Não sabe em quem votar?

 

Descubra o seu posicionamento no panorama político português em:

 

http://www.bussolaeleitoral.pt/

 

 

Só vos digo que tive uma grande surpresa depois de responder às 30 perguntas.

 

Luís Castro

 

 

Categorias: ,
publicado por Luís Castro às 15:42
link do post | comentar | ver comentários (14)
Quinta-feira, 24 de Setembro de 2009

últimas sondagens

 

Sondagem RTP Sondagem TVI

Projecção
%
Projecção
%
PS 38 PS 38
PSD 30 PSD 29,9
BE 11 BE 9,4
CDS 8 CDS 8,4
CDU 7 CDU 7,7
Outros 2 Outros 6,6

 

publicado por Luís Castro às 20:17
link do post | comentar | ver comentários (29)

Proponho um desafio:

Caríssimos,

um pouco mais de paciência. Só faltam dois dias.

 

Proponho-vos um exercício de adivinhação aqui no blogue:

Quem vai ganhar as eleições e quais as votações que irão alcançar os partidos e os movimentos que estão em disputa.

Vamos nós fazer a nossa sondagem.

                   

E porque será que o PS começou a pedir a maioria absoluta?

Será que ficaram entusiasmados com as sondagens que estão para sair?

 

Luís Castro

publicado por Luís Castro às 00:06
link do post | comentar | ver comentários (19)
Terça-feira, 22 de Setembro de 2009

Aprenda a ser feliz

“Não se perguntem de que é que o mundo precisa.

Perguntem o que é que vos faz sentir vivos.

E depois ponham-no em prática.

Porque do que o mundo precisa é de pessoas que vivam a vida.”

 

Esta é uma das citações usadas por Tal Ben-Shahar, escritor e professor da Universidade de Harvard, no livro “Aprenda a ser Feliz”.

 

Tal Ben-Shahar esteve ontem em Lisboa. 800 pessoas esgotaram a sala do Tivoli para ouvir falar de Felicidade e de Liderança Positiva. Parabéns à Terra dos Sonhos, WIN Productions e Janssen-Cilag que organizaram a "Happy Conference".

 

É verdade: não sabemos viver sem problemas!

É verdade: teimamos em esquecer que a Felicidade depende de nós.

Já não concordo quando cita Mark Twain para dizer que “A vida seria infinitamente mais feliz se tivéssemos nascido aos 80 anos e gradualmente nos fôssemos aproximando dos 18.” Tenho 42 anos e sou agora muito mais feliz do que aos 18.

 

Durante duas horas, Tal Ben-Shahar arrebatou a plateia com a sua excelente capacidade de comunicação. Deu exemplos, fez exercícios e interagiu com o público – gestores, empresários e outros ligados directa ou indirectamente à comunicação e à gestão de relações.

 

Porque estamos sempre prontos a mudar – mas que essa mudança comece pelos outros!!! – relembro um pensamento de Gandi também usado pelo professor de Harvard:

Sê tu a mudança que queres ver no mundo!

 

Luís Castro

 

Reportagem no Telejornal da RTP:

http://ww1.rtp.pt/noticias/?t=Professor-universitario-explica-como-alcancar-a-felicidade.rtp&headline=20&visual=9&tm=&article=280758

 

publicado por Luís Castro às 19:19
link do post | comentar | ver comentários (25)

Gato Fedorento esmiúça Jerónimo

 

 

 

publicado por Luís Castro às 01:06
link do post | comentar | ver comentários (22)
Segunda-feira, 21 de Setembro de 2009

Nós precisamos de vocês!

 

 

Acabara de arrancar um dente e os cinco pontos na gengiva causavam-me um grande desconforto. Como promessas são dívidas, fiz-me à estrada e subi até Penafiel para moderar um debate com os líderes e representantes das juventudes partidárias.

 

Organizada pelo Roteract Club de Penafiel, a noite teve uma plateia interessada, participativa e praticamente intacta do princípio ao fim. Dei por mim a pensar se algum político profissional conseguiria manter na sala tantos jovens durante duas horas e meia numa sexta-feira à noite. Duvido.

 

Abri  recuperando palavras de Cavaco Silva quando nas comemorações de 25 de Abril de 2008 afirmou que os jovens não se interessam por política e que manifestam uma ignorância preocupante. Ninguém terá dito ao Presidente da República que, ao contrário do que acontece na Europa, os jovens portugueses aumentam o interesse pela política quando chegam aos 18 anos. Diria que os jovens se interessam por política, talvez não se interessem é por estes políticos.

 

Já a noite virava para a madrugada quando encerrei o debate.

Lembrei-lhes que devem encarar a juventude como um estado de alma e não como uma fase da vida.

Desafiei-os para que renovem os seus partidos e para que marquem a diferença se forem eleitos.

Deixei-lhes um pedido:

“Venham depressa. Nós precisamos de vocês!”

 

Luís Castro

 

 

 

publicado por Luís Castro às 19:40
link do post | comentar | ver comentários (46)

Reportagem Angola - 1999



Reportagem Iraque - 2005


Reportagem Guiné - 2008


Reportagem Guiné - 2008


Reportagem Afeganistão - 2010

Livros

"Repórter de Guerra" relata alguns dos conflitos por onde andei. Iraque, Afeganistão, Angola, Cabinda, Guiné-Bissau e Timor-Leste. [Comprar]



"Por que Adoptámos Maddie" aborda o fenómeno mediático gerado à volta do desaparecimento de Madeleine McCann. [Comprar]


Sugestões para reportagem



Milhão e meio de portugueses elegem diariamente o Telejornal da RTP.
E porque o fazemos para vós, quero lançar-vos um desafio: proponho que usem o meu blogue para deixarem as vossas sugestões de reportagem.

Luís Castro
Editor Executivo
Informação - RTP

E-mail: cheiroapolvora@sapo.pt

Perfil

Jornalista desde 1988
- 8 anos em Rádio:
Rádio Lajes (Açores)
Rádio Nova (Porto)
Rádio Renascença
RDP/Antena 1

- Colaborações em Rádio:
Voz da América
Voz da Alemanha
BBC Rádio
Rádio Caracol (Colômbia)
Diversas - Brasil e na Argentina

- Colaborações Imprensa:
Expresso
Agência Lusa
Revistas diversas
Artigos de Opinião

RTP:
Editor de Política, Economia e Internacional na RTP-Porto (2001/2002)
Coordenador do "Bom-Dia Portugal" (2002/2004)
Coordenador do "Telejornal" (2004/2008)
Editor Executivo de Informação (2008/2010)

Enviado especial:
20 guerras/situações de conflito

Outras:
Formador em cursos relacionados com jornalismo de guerra e com forças especiais
Protagonista do documentário "Em nome de Allah", da televisão Iraniana
ONG "Missão Infinita" - Presidente

Obras publicadas:
"Repórter de Guerra" - autor
"Por que Adoptámos Maddie" - autor
"Curtas Letragens" - co-autor
"Os Dias de Bagdade" - colaboração
"Sonhos Que o Vento Levou" - colaboração
"10 Anos de Microcrédito" - colaboração

Pesquisar blog

Arquivos

Abril 2016

Janeiro 2016

Outubro 2015

Junho 2015

Maio 2015

Fevereiro 2013

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Agosto 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Categorias

política

economia

angola 2008

iraque 2008

sexo

afeganistão 2010

mau feitio

televisão

eua

mundo

amigo iraquiano

futebol

curiosidades

telejornal

saúde

iraque

missão infinita

religião

repórter de guerra - iraque

euro2008

guiné

humor

repórter de guerra - cabinda

acidentes

criminalidade

jornalismo

polícia

segurança

solidariedade

rtp

sociedade

terrorismo

afeganistão

caso maddie

crianças talibés

desporto

diversos

férias

futuro

justiça

todas as tags

subscrever feeds