Terça-feira, 5 de Agosto de 2008

Mensagem de Bagdade

Irmão Castro,


Li a história trágica do teu amigo McMillan e a mensagem da mulher, Elizabeth.

McMillan chegou ao Iraque com um sonho e para cumprir o seu dever. Os que o mataram também estão convencidos de que cumprem o seu dever: defender o país.

  

Infelizmente o Iraque está repleto de tragédias.

Há três semanas, tropas americanas mataram um iraquiano à porta de sua casa e à frente da mulher e dos seus três filhos com dois, quatro e seis anos de idade. Tudo porque cometeu o “crime” de subir ao telhado para arranjar o ar condicionado que avariara. Os americanos pensaram que estava emboscado para os atacar e abateram-no a tiro. Morreu sem saber a razão. Foi a apenas cem metros da minha casa.

 

Lamento profundamente todas as mortes no meu país, sejam iraquianos ou americanos. Todos têm famílias e, no caso dos soldados dos EUA, há mães, mulheres e filhos à espera que eles voltem vivos.

 
Por favor, envia as minhas condolências à mulher do McMillan e diz-lhe que estou triste por ela e pelo fim trágico dos sonhos de ambos. Rezo todos os dias para que o mundo seja muito melhor do que isto.

 

Como sabes, Castro, quase todos os iraquianos têm armas em suas casas para se defenderem a eles próprios e às suas famílias. Eu não tenho! És testemunha de que há cinco anos jurei nunca mais tocar em armas.

A resistência pede-nos que odiemos os americanos, mas eu não consigo odiar ninguém. Sei que também eu um dia serei morto por milícias, por terroristas ou por engano pelos soldados americanos. Mesmo assim, serei capaz de lhes perdoar.

 

مرسلة بواسطة bassimفي

Bagdade, 5 de Agosto 2008

 

**** Para quem tem curiosidade em saber quem é o Bassim, basta ir à categoria "amigo

        iraquiano", do lado direito no blogue.

**** Mais logo darei resposta a todos os comentários aqui deixados desde ontem.

        Obrigado.

        Luís Castro

 

                                                  

publicado por Luís Castro às 14:18
link do post | comentar
32 comentários:
De Sónia Pessoa a 5 de Agosto de 2008 às 18:00
Bassim mostrou-nos, através desta mensagem a verdadeira essência do ser humano, e mostrou-me, a mim particularmente, que ainda vale a pena acreditar nesse mesmo ser humano. Obrigada Bassim.
De Luís Castro a 5 de Agosto de 2008 às 23:40
Sónia,
o Bassim vem ao Blog com alguma frequ~encia e traduz para inglês os vossos comentários.
Bjs
LC
De Tiago Costa a 5 de Agosto de 2008 às 18:35
A decência, humanidade e abertura deste homem são comoventes. Como é possível ser tão profundamente correcto no meio deste turbilhão?
De Luís Castro a 5 de Agosto de 2008 às 23:43
Tiago,
o Bassim é assim.
É genuíno e um "irmão" que ganhei em 2004.
É, acredita, fiquei a gostar dos iraquianos.
E eles de mim, quando souberam que eu não era americano...
Ab.
LC
De Nelson a 5 de Agosto de 2008 às 23:14
Sem duvida o Sr Bassim é um senhor de coragem e de bom coração. Os seus comentários mostram bem qual é a atmosfera em que se encontra o Iraque. Só espero que um dia ele consiga viver novamente feliz e em paz com a sua familia.
De Luís Castro a 5 de Agosto de 2008 às 23:48
Nelson,
estou a tentar arranjar-lhe o estatuto de refugiado, mas não está a ser fácil.
Ab.
LC
De Raquel Silva a 6 de Agosto de 2008 às 11:15
Depois de tudo o que já lhe aconteceu, e viu acontecer à sua volta, o Bassim parece não ter muitas esperanças de ver a situação no Iraque melhorar. Ninguém tem, embora todos queiram que aconteça um qualquer milagre. Vamos esperar que aconteça mesmo.
Bjs
Raquel
De Luís Castro a 7 de Agosto de 2008 às 02:26
Raquel,
na verdade a situação no Iraque está um pouco melhor do que nos últimos tempos.
Mesmo assim, o Bassim continua a correr o risco de um destes dias voltar a ser atacado e, desta vez, não falharem...
Bjs
LC
De js. a 6 de Agosto de 2008 às 11:55
Amigo Castro,

O Bassim, a quem envio um grande abraço e para toda a sua família, nestas suas letras demonstra aquilo em que muito se caracteriza o ser humano, na sua capacidade de perdoar.
Num mundo de princípios cada vez mais banalizados, ter a capacidade para perdoar é de uma grandiosidade que nos faz acreditar na força do ser humano.

Felizmente existem pessoas, que mesmo no meio da guerra, são capazes de perdoar e de deixar todo o ódio de lado.

Um forte abraço
De Luís Castro a 7 de Agosto de 2008 às 02:28
José,
há mais "Bassims" no Iraque, mas não muitos.
O Bassim é um ser humano fantástico.
Mais ainda quando o conhecemos pessoalmente.
Ab.
LC
De js. a 7 de Agosto de 2008 às 13:35
Luís, acredito perfeitamente.

Grande Abraço
De Luís Castro a 7 de Agosto de 2008 às 23:50
Outro.
LC
De Raquel Silva a 6 de Agosto de 2008 às 12:47
Luís,
(fora do assunto do post)
Só hoje reparei no seu comentário à entrevista, no blog do jornal da minha escola. Ainda tenho cá um exemplar impresso do jornal, para lhe entregar... :D
Bjs
Raquel
De Luís Castro a 7 de Agosto de 2008 às 02:34
Dá ao teu pai.
Mas não sei quando vou estar com ele.
Bjs
LC
De Rosalin a 6 de Agosto de 2008 às 16:00
Algo não bate certo caro Castro.
Se estou errada corrija-me.
O email de Bassim dando os sentimentos à viúva de McMillan foi enviado com a data de 5 de Março de 2008. Segundo tenho entendido McMillan foi assassinado a 8 de Julho de 2008.
?????
De Luís Castro a 7 de Agosto de 2008 às 02:36
Rosalin,
claro. Disparate.
Fui eu que traduzi e lhe juntei a data.
5 de AGOSTO, não de MARÇO.
Março foi quando estive lá, no Iraque.
Obrigado pelo reparo.
Vou alterar.
LC
De Luís Castro a 7 de Agosto de 2008 às 02:38
Já voltei em Abril, mas, na verdade, ainda lá estou...
LC
De Andé Esgaio a 6 de Agosto de 2008 às 22:07
Infelizmente está cada vez mais forte a guerra!

Luis Castro não respondeste ao meu email!

http://jogosolimpicospequim.com
Abraço!
De Luís Castro a 7 de Agosto de 2008 às 02:41
André,
essa éuma matéria que me ultrapassa.
O site é feito pelo pessoal do multimedia, mas como temos lá jornalistas, na China, há um blog feito por eles.
Confesso que como não estou na RTP também ainda não fui lá ver.
As fontes de informação são as oficiais, mas manda um mail para alexandre.brito@rtp.pt. Ele é um dos responsáveis pelo site da RTP.
Abraço
LC
De Ilda a 7 de Agosto de 2008 às 09:51
Olá Luís!
Como tem passado? As férias já foram?
Regressei de férias e deparei com a notícia da morte do seu amigo McMillan eu sei o que está a sentir. Nestes casos em que se perde alguém tão novo que nos diz muito e de uma forma trágica são uma mistura de muitos sentimentos que vai da raiva, à sensação de injustiça, dor e muita mágoa. A melhor e maior homenagem que lhe pode prestar é recordar, embora deixo de fogo, os momentos felizes e divertidos que passaram juntos. Força amigo.
Quanto ao Bassim , embora não o conheça pessoalmente como é óbvio, mas sempre que vejo atentados com mortes e feridos em Bagdad o meu coração fica apertado a pensar se terá sido alguma coisa com ele ou com a família. Vamos deixar passar o mês de Agosto que é o mês do marasmo e em Setembro vamos todos em força, talvez assim tenhamos algum peso, fazer tudo por tudo para lhe arranjar o estatuto de refugiado e tirá-los daquele inferno.
Não tem estado a coordenar o telejornal, está tudo bem?
Um grande beijinho
De Luís Castro a 7 de Agosto de 2008 às 23:37
Estive a coordenar três semana seguidas e agora estou uns dias de folga.
Sobre o Bassim, aguardo pelo resultado de uma tentativa que fiz...
LC
De Ana Cristina Brizida a 7 de Agosto de 2008 às 09:57
Dear Bassin,

Your words addressed to the widow of the soldier McMillan show us how good and noble person you are.

"Solidarity is the feeling that best express the respect for human dignity" Franz Kafka

Best regards for you and your family,

Cris


Olá Luís,
Pessoas com a generosidade do Bassin, infelizmente, há muito poucas.
Bjs
Cris
De Luís Castro a 7 de Agosto de 2008 às 23:47
É bem verdade.
Ah, já agora, eu li o teu comentário no blog do Daniel...
Bjs
LC
De Ana Cristina Brizida a 8 de Agosto de 2008 às 08:55
Olá,

Seu ganda cusco.... eheheheh
Tudo o que escrevi no blog do Daniel acerca de ti é verdade e tu sabes porque também já o mencionei aqui. Havia tanto para dizer... mas agora não tenho tempo, além de estar com uma soneira enorme LOL
Já percebi que estás de férias, descansa e curte muito, tens à tua espera muitos desafios.
Só te vou melgar quando vir o teu nome na ficha técnica do telejornal.

Bjs e BOAS FÉRIAS!
Cris
De Luís Castro a 8 de Agosto de 2008 às 12:39
É já na próxima segunda-feira.
Bjs e bom fds.
LC

Comentar post

Reportagem Angola - 1999



Reportagem Iraque - 2005


Reportagem Guiné - 2008


Reportagem Guiné - 2008


Reportagem Afeganistão - 2010

Livros

"Repórter de Guerra" relata alguns dos conflitos por onde andei. Iraque, Afeganistão, Angola, Cabinda, Guiné-Bissau e Timor-Leste. [Comprar]



"Por que Adoptámos Maddie" aborda o fenómeno mediático gerado à volta do desaparecimento de Madeleine McCann. [Comprar]


Sugestões para reportagem



Milhão e meio de portugueses elegem diariamente o Telejornal da RTP.
E porque o fazemos para vós, quero lançar-vos um desafio: proponho que usem o meu blogue para deixarem as vossas sugestões de reportagem.

Luís Castro
Editor Executivo
Informação - RTP

E-mail: cheiroapolvora@sapo.pt

Perfil

Jornalista desde 1988
- 8 anos em Rádio:
Rádio Lajes (Açores)
Rádio Nova (Porto)
Rádio Renascença
RDP/Antena 1

- Colaborações em Rádio:
Voz da América
Voz da Alemanha
BBC Rádio
Rádio Caracol (Colômbia)
Diversas - Brasil e na Argentina

- Colaborações Imprensa:
Expresso
Agência Lusa
Revistas diversas
Artigos de Opinião

RTP:
Editor de Política, Economia e Internacional na RTP-Porto (2001/2002)
Coordenador do "Bom-Dia Portugal" (2002/2004)
Coordenador do "Telejornal" (2004/2008)
Editor Executivo de Informação (2008/2010)

Enviado especial:
20 guerras/situações de conflito

Outras:
Formador em cursos relacionados com jornalismo de guerra e com forças especiais
Protagonista do documentário "Em nome de Allah", da televisão Iraniana
ONG "Missão Infinita" - Presidente

Obras publicadas:
"Repórter de Guerra" - autor
"Por que Adoptámos Maddie" - autor
"Curtas Letragens" - co-autor
"Os Dias de Bagdade" - colaboração
"Sonhos Que o Vento Levou" - colaboração
"10 Anos de Microcrédito" - colaboração

Pesquisar blog

Arquivos

Abril 2016

Janeiro 2016

Outubro 2015

Junho 2015

Maio 2015

Fevereiro 2013

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Agosto 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Categorias

política

economia

angola 2008

iraque 2008

sexo

afeganistão 2010

mau feitio

televisão

eua

mundo

amigo iraquiano

futebol

curiosidades

telejornal

saúde

iraque

missão infinita

religião

repórter de guerra - iraque

euro2008

guiné

humor

repórter de guerra - cabinda

acidentes

criminalidade

jornalismo

polícia

segurança

solidariedade

rtp

sociedade

terrorismo

afeganistão

caso maddie

crianças talibés

desporto

diversos

férias

futuro

justiça

todas as tags

subscrever feeds