Sexta-feira, 5 de Setembro de 2008

Maka no arranque

http://ww1.rtp.pt/noticias/index.php?headline=98&visual=25&article=361940&tema=31 

 

Desculpem os erros.

O teclado esta com problemas.

 

Não começou bem, mas espera-se que termine melhor.

Os partidos, especialmente a UNITA, têm sido muito cautelosos nas críticas e na forma como comentam os problemas registados esta manhã, em Luanda. Ninguém quer despoletar qualquer incidente pelo qual venha a ser considerado culpado. A tragédia de 1992, quando Jonas Savimbi nao reconheceu o resultado das eleicoes, está ainda muito fresca na memória dos angolanos.

 

Estou na escola Njinga Mbande, perto do largo 1. de Maio, no centro de Luanda, onde as mesas so abriram cinco horas depois. E foi curioso ver a paciência das pessoas. Uma senhora dizia/me que “vale a pena esperar so para por la o meu voto!”. Está aqui um senhor mesmo ao meu lado a dizer que "este povo é generoso" e que "estamos sempre a sofrer sofrimento!"

 

São quase 18 horas e a expectativa esta em saber se a votacao se vai estender para amanha. Hoje, pelo menos, as urnas so irão encerrar quando não houver mais ninguém para votar.

 

Luis Castro

 

Logo que possivel responderei a todos os comentários.

http://ww1.rtp.pt/noticias/index.php?headline=98&visual=25&article=361935&tema=31

 

 

 

publicado por Luís Castro às 18:03
link do post | comentar
25 comentários:
De JAlves a 5 de Setembro de 2008 às 18:25
Tudo há-de correr bem...
Nestes momentos há que ter muita calma...

abraços e... bom trabalho!
De Luís Castro a 6 de Setembro de 2008 às 12:50
Grande abraço, amigo.
Já li um comentário teu, por aí, algures...
Abraço.
LC
De Gi a 5 de Setembro de 2008 às 18:41
Porque é que não me espanto?
De Luís Castro a 6 de Setembro de 2008 às 12:52
Pois...
facilitismo, falta de experiência...
malembe, malembe!
LC
De Fatima a 5 de Setembro de 2008 às 19:03
Haja calma e paciência......
De Luís Castro a 6 de Setembro de 2008 às 12:53
Eles, os angolanos, tiveram.
ficaram horas nas filas.
Bjs
LC
De patti a 5 de Setembro de 2008 às 19:28
Olá Luís,

Este pequeno post, enviou-me logo para as filas imensas e pacientes de timorenses, nas suas primeiras eleições livres.
Que corra tudo pelo melhor.

Ismael Lo, é um cantor e compositor senagalês brilhante, ficou conhecido numa música, escolhida por Almodôvar, no seu filme "Tudo sobre a minha mãe".
Tem esta música fantástica que envio para todos vocês, aí em Angola.

http://www.youtube.com/watch?v=zL7V_SgP_oA.




(As provas da Sara em Pequim, vão ser a 7, 8 e 10. Deixo um post no meu blog para ela e para todos, hoje à meia-noite)
De patti a 5 de Setembro de 2008 às 19:30
p.s. copie o link da música sem o ponto final (falha minha).
De Luís Castro a 6 de Setembro de 2008 às 13:07
Visto.
LC
De Luís Castro a 6 de Setembro de 2008 às 12:55
Obg.
BJ
LC
De Diogo Rodrigues a 5 de Setembro de 2008 às 19:36
Ora boas Luís! vim à uns dias do Algarve mas tenho acompanhado tudo o que tens escrito um dia destes ainda vou parar ai ao continente Africano

Decidi também escrever hoje pq faço 18 anos!! estou a ficar velho. ahahahahahah

acho que vou começar a cantar aquela musica ( rugas começam.me a aparecer as primeiras rugas....)

Um abraço Luís

Diogo Rodrigues
De Raquel Silva a 5 de Setembro de 2008 às 19:40
Parabéns, Diogo :D
De kamia a 5 de Setembro de 2008 às 22:39
parabens diogo!
De Luís Castro a 6 de Setembro de 2008 às 14:29
Visto.
LC
De Luís Castro a 6 de Setembro de 2008 às 13:16
Visto.
LC
De Luís Castro a 6 de Setembro de 2008 às 13:13
Parabéns, "chará" Luís!!!
Sobre vires cá parar, nunca se sabe...
Ab.
LC
De Raquel Silva a 5 de Setembro de 2008 às 19:39
Luís,
O espírito é que o povo pode fazer algo para mudar ou não o futuro do país, e isso é exactamente o que se pretende numa época de eleições.
Se as pessoas não conseguirem votar todas hoje, a votação prolonga-se para amanhã?
As coisas não começaram bem, mas de certeza que vão acabar bem.
Bjs
Raquel
De Luís Castro a 6 de Setembro de 2008 às 13:15
Raquel,
ainda decorrem hoje (Domingo), mas voltou a não arrancar bem,
Só reabriram as que tiveram problemas onte,
Bjs
LC
De dvd a 5 de Setembro de 2008 às 23:14
e Cabinda? alguma novidade?

cumprimentos
De Luís Castro a 6 de Setembro de 2008 às 14:31
DVD,
por lá correu tudo bem.
LC
De Andre a 6 de Setembro de 2008 às 02:03
Boa noite... Eu tenho 15 anos e vivo aqui em Angola há 5 anos, sou português.... tive a acompanhar as noticias durante todo o dia, particularmente à noite na sic... e devo dizer que estou profundamente desagradado e triste com o que vi

Angola nao realiza eleições há 16 anos, e normal que haja este tipo de complicaçoes, penso que os orgaos de comunicaçao social exageram muito quando dao as noticias

So em Luanda exitem 2 Milhoes de Pessoas a votar!
e claro que ha complicaçoes, pois sao as primeiras eleiçoes em 16 anos, e a culpa disto nao é do governo nem de partidos, como ja ouvi dizer por ai, mas sim da comissao eleitoral

ha que ter calma... vai tudo correr bem

Luis parabens pelo teu excelente trabalho :D
De Luís Castro a 7 de Setembro de 2008 às 00:29
Obrigado André.
Não sei se és português ou Angolano, mas este país será feito por pessoas como tu.
Acredita sempre! Em ti e em angola.
Abraço
LC
De Luís Castro a 7 de Setembro de 2008 às 00:30
desculpa.
Já vi que és portugu~es.
Ab.
LC
De Carlos Avelãs a 6 de Setembro de 2008 às 12:45
Estou em Angola à pouco tempo.
Vivo em Luanda muito próximo da Escola onde esteve e também vi que as pessoas queriam e desejavam exercer o seu direito civico de escolher quem os vai governar nos proximos 4 anos.
Uma coisa, que nós portugueses nos esquecemos é que nas primeiras eleições livres em Portugal os cadernos eleitorais foram preenchidos à mão.
Em Angola 16 anos depois das ultimas eleições, 30 anos de guerra, é pedir demasiado que este acto eleitoral não tivesse as dificuldades que se apresentaram.
Não compreendo como observadores internacionais não percebem isto.
Falhas logisticas? Muitas! Porquê? tem que se conhecer a realidade deste País, que agora começa a despertar para os caminhos da Democracia.
A Unita, a FNLA e também o MPLA, podem e devem ter duvidas nas Eleições em Luanda, porém hoje quantas assembleias de voto abriram em Luanda? 312, quantas existiam ontem?
Vamos esperar para ver.
Já agora Onde estavam os militares ontem? alguém os viu na rua? Não se esqueçam que estamos em Africa.
Para acabar quero lembrar uma coisa. A Comunidade Internacional descreveu que o Processo do Registo Eleitoral efectuado em Angola, foi um dos melhores do Mundo. Estas eleições em Angola podem ser um exemplo para todo o continente africano.
Basta TODOS quererem.
Um Abraço e Bom trabalho.
De Luís Castro a 7 de Setembro de 2008 às 03:14
Carlos,
basta comparar o que aqui aconteceu (seis anos depois da guerra) com o Portugal de 1980 (seis anos depois do fim da ditadura).
Ou já nos esquecemos?
Abraço forte.
LC

Comentar post

Reportagem Angola - 1999



Reportagem Iraque - 2005


Reportagem Guiné - 2008


Reportagem Guiné - 2008


Reportagem Afeganistão - 2010

Livros

"Repórter de Guerra" relata alguns dos conflitos por onde andei. Iraque, Afeganistão, Angola, Cabinda, Guiné-Bissau e Timor-Leste. [Comprar]



"Por que Adoptámos Maddie" aborda o fenómeno mediático gerado à volta do desaparecimento de Madeleine McCann. [Comprar]


Sugestões para reportagem



Milhão e meio de portugueses elegem diariamente o Telejornal da RTP.
E porque o fazemos para vós, quero lançar-vos um desafio: proponho que usem o meu blogue para deixarem as vossas sugestões de reportagem.

Luís Castro
Editor Executivo
Informação - RTP

E-mail: cheiroapolvora@sapo.pt

Perfil

Jornalista desde 1988
- 8 anos em Rádio:
Rádio Lajes (Açores)
Rádio Nova (Porto)
Rádio Renascença
RDP/Antena 1

- Colaborações em Rádio:
Voz da América
Voz da Alemanha
BBC Rádio
Rádio Caracol (Colômbia)
Diversas - Brasil e na Argentina

- Colaborações Imprensa:
Expresso
Agência Lusa
Revistas diversas
Artigos de Opinião

RTP:
Editor de Política, Economia e Internacional na RTP-Porto (2001/2002)
Coordenador do "Bom-Dia Portugal" (2002/2004)
Coordenador do "Telejornal" (2004/2008)
Editor Executivo de Informação (2008/2010)

Enviado especial:
20 guerras/situações de conflito

Outras:
Formador em cursos relacionados com jornalismo de guerra e com forças especiais
Protagonista do documentário "Em nome de Allah", da televisão Iraniana
ONG "Missão Infinita" - Presidente

Obras publicadas:
"Repórter de Guerra" - autor
"Por que Adoptámos Maddie" - autor
"Curtas Letragens" - co-autor
"Os Dias de Bagdade" - colaboração
"Sonhos Que o Vento Levou" - colaboração
"10 Anos de Microcrédito" - colaboração

Pesquisar blog

Arquivos

Abril 2016

Janeiro 2016

Outubro 2015

Junho 2015

Maio 2015

Fevereiro 2013

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Agosto 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Categorias

política

economia

angola 2008

iraque 2008

sexo

afeganistão 2010

mau feitio

televisão

eua

mundo

amigo iraquiano

futebol

curiosidades

telejornal

saúde

iraque

missão infinita

religião

repórter de guerra - iraque

euro2008

guiné

humor

repórter de guerra - cabinda

acidentes

criminalidade

jornalismo

polícia

segurança

solidariedade

rtp

sociedade

terrorismo

afeganistão

caso maddie

crianças talibés

desporto

diversos

férias

futuro

justiça

todas as tags

subscrever feeds