Segunda-feira, 17 de Novembro de 2008

Espero que cumpra!

  

 

Barack Obama deixou-me na dúvida.

Ouvi-o dizer aquilo que as plateias queriam ouvir e não gostei.

Por tal, entre McCainn e Obama, eu preferia o Republicano.

Pelo passado, pela consistência enquanto homem e político e por saber que, erradamente, o davam como um seguidor das políticas de Bush.

 

Não que da minha opinião venha a salvação do Mundo, ou que por isso Obama se sinta mais confortável na Casa Branca, mas confesso: o homem começa a agradar-me.

 

http://ww1.rtp.pt/noticias/index.php?headline=98&visual=25&article=373316&tema=31

 

Luís Castro

 

Categorias: ,
publicado por Luís Castro às 15:43
link do post | comentar
27 comentários:
De GorgeousMind a 17 de Novembro de 2008 às 16:27
Olá Luís!

Sempre que voto, voto nas pessoas, não nos ideiais porque esses são sempre os mesmos e nunca mudam, são os homens/mulheres que fazem toda a diferença (onde é que eu já ouvi isto...?).
Sempre estive do lado dos Democratas, mas por Hilary, e quase que vi o sonho acontecer... uma mulher como Presidente a governar um país como os U.S.A. Ia ser giro de ver!
Quando a vantagem começou a virar para Obama, e que me desculpem (não sou nada racista, isso da raça para mim, ... nem penso nisso) mas por ele ser negro, comecei a pensar: Oh My Goodness! Num país onde a escravatura durou tanto tempo, até tão tarde. Onde, de facto, se sente um clima de racismo (sim porque o que se passa em Portugal são peanuts), como é que eles vão encarar este homem?
Eu gostei dele, e creio que ele com o decorrer do tempo irá devolver a credibilidade aos U.S.A., nas várias áreas (económica, política, social...).

E ainda, o mais importante é que todo o Mundo poderá vir, indirectamente, a beneficiar. Era tão bom... estamos todos tão fartos de conflito, e o futuro dos nossos filhos depende disto!
De GorgeousMind a 17 de Novembro de 2008 às 16:35
Oooops! Faltaram as despedidas ao ilustre proprietário do blogue.

Beijinhos
De Luís Castro a 17 de Novembro de 2008 às 16:55
Obrigado, ilustre participante!
Bjs
LC

*Repare que escrevi participante e não visitante!
De GorgeousMind a 17 de Novembro de 2008 às 17:23
Daí não se vê... but I'm almost blushing!

rs...rs...rs...
De Luís Castro a 17 de Novembro de 2008 às 19:09
Bjs
LC
De Luís Castro a 17 de Novembro de 2008 às 23:53
Bjs.
LC
De Luís Castro a 17 de Novembro de 2008 às 16:54
Entre os três,
Obama sempre foi a minha terceira escolha.
Não sei se os outros dois fariam melhor, mas espero que Obama cumpra as expectativas que gerou.
LC
De Si a 17 de Novembro de 2008 às 17:10
Não sou especialista em economia, nem muito menos em política, da qual fujo a sete pés, mas, instintivamente, daqueles sentimentos que se tem, quando vemos alguém pela 1ª vez, Obama seria o candidato em que teria votado se fosse americana. As promessas que fez também me agradam, a sua postura, igualmente. As únicas dúvidas que me ressaltam vêm do futuro. Daquilo que ele poderá realmente cumprir, quando tiver de pagar os mais de 700 milhões de dólares que angariou na sua campanha, cedendo (ou não!!) aos eternos lobbies, aos quais o Presidente do País Mais Poderoso do Mundo (aliás, especialmente ele) não está imune. E de boas intenções esteve sempre o Inferno cheio......
De Luís Castro a 17 de Novembro de 2008 às 23:52
Esperemos que se consiga libertar, mas não sei...
Bjs
LC
De bluewater68 a 17 de Novembro de 2008 às 21:19
Boa noite Luis Castro,
nem sequer me passa pela cabeça que não possa cumprir essa promessa.
Passei aqui sobretudo por causa dos lamentáveis incidentes desta tarde. Foi mau demais. E o mais caricato foi ver o polícia com vontade de prender o cameramen que tinha sido agredido. E ninguém é identificado? Lamentável.
Cumprimentos
De Luís Castro a 18 de Novembro de 2008 às 00:04
Deu-lhe ordem de prisão, vê lá!|
Depois lá percebeu a asneirada.
Enfim.
LC
De Ludo Rex a 17 de Novembro de 2008 às 22:24
Veremos... Apesar de é preciso mudar alguma coisa para que nada mude...
De Luís Castro a 18 de Novembro de 2008 às 00:06
Para já - e muito importante - é o facto de o mundo ter passado a olhar com esperança para a América.
Isso mesmo, veremos.
Ab.
LC
De José Simões a 18 de Novembro de 2008 às 08:27
Uma vez que é Editor-Executivo da RTP (logo responsável pela selecção da informação) gostava de saber o que pensa das declarações de Manuela Ferreira Leite. Acha que não podem ser só os jornalistas a seleccionar a informação que passa nos orgãos de informação?
De Luís Castro a 18 de Novembro de 2008 às 21:01
José,
os critérios editorias são da responsabilidade dos jornalistas e dos respectivos OCS.
Mas, na verdade, os políticos t~em sempre a tend~encia para tentar meter o nariz.
Sempre foi assim.
Felizmente que agora acontece menos vezes.
Ab.
LC
De Pedro Oliveira a 18 de Novembro de 2008 às 08:45
Todos queremos que os USA voltem a prosperar, Obama tem de trabalhar muito, tem um carisma que é meio caminho andado para ser ouvu«ido e respeitado.Que cumpre com o que prometeu começando por guantanamo.


o que se passou ontem no TIC é uma vergonha para as nossas policias,por muito menos já levei umas bastonadas.
De Luís Castro a 18 de Novembro de 2008 às 21:02
Até parece que os jornalistas é que eram os culpados.
Organizaram mal o espaço físico e chegaram a acusar o repórter de imagem da RTp de ter agredido um polícia!
Enfim.
LC
De Filipa Jardim a 18 de Novembro de 2008 às 13:52
Olá Luís,

Fiquei impressionada com as últimas notícias, parece que o homem já soma mais de 500 ameaças de morte e, ainda nem se mudou para a casa branca.


bjs,

Filipa
De Luís Castro a 18 de Novembro de 2008 às 21:03
Espero que não acabe como o JFK.
Bjs
LC
De Ana Paula Albuquerque Almeida a 18 de Novembro de 2008 às 14:48
Numa entrevista difundida pela CBS , Obama afirmou:
“Disse várias vezes que queria fechar Guantânamo , e vou fazê-lo”.
Acredito na vontade dele e faço votos para que consiga cumprir a promessa como, aliás, acredito que queira cumprir todas as promessas que fez.
A questão é se lhe será dado tempo e espaço para poder fazê-lo.
[Error: Irreparable invalid markup ('<br [...] <a>') in entry. Owner must fix manually. Raw contents below.]

Numa entrevista difundida pela CBS , Obama afirmou: <BR>“Disse várias vezes que queria fechar Guantânamo , e vou fazê-lo”. <BR>Acredito na vontade dele e faço votos para que consiga cumprir a promessa como, aliás, acredito que queira cumprir todas as promessas que fez. <BR>A questão é se lhe será dado tempo e espaço para poder fazê-lo. <BR><BR class=incorrect name="incorrect" <a>Bjs</A>
De Luís Castro a 18 de Novembro de 2008 às 21:03
Pois...
Bjs
LC
De Ana Paula Albuquerque Almeida a 18 de Novembro de 2008 às 14:50
Peço desculpa mas algo não correu bem ao publicar o comentário anterior.
É a tal questão, as tecnologias não têm só coisas boas!
De Luís Castro a 18 de Novembro de 2008 às 21:05
Visto.
LC
De Ana Cristina Brizida a 18 de Novembro de 2008 às 20:00
Olá Luís tudo bem,

O homem ainda não tomou posse e já estão a exigir "o mundo" !!!!! Têm de dar tempo ao tempo.... ele não tem uma varinha mágica ... não pode resolver todos os problemas que a América tem de um dia para o outro. Claro que o encerramento de Guantanamo é muito urgente.
Como já escrevi aqui, eu sempre fui pelos democratas e pelo Obama em detrimento da Hillary Clinton. Apesar de ela ter mais alguma experiência por ter sido First Lady, mas faltava-lhe qualquer coisa.... ou coisas....
O Obama ganhou com todo o mérito... aliás se olharmos para o percurso dele (quer profissional quer académico) o homem tem muito valor e além disso, por ele ser preto, tem de provar mais do que se fosse um branco ou uma mulher. E ao longo da sua vida provo-o.
Se calhar vou dizer uma grande calinada, mas acho o Obama um misto de JFK e de Martin L. King... ele tem um dom, que não se aprende... é inato... tem o poder de mobilização, tem o dom da palavra, de conseguir passar a mensagem e de fazer com que as pessoas acreditem.... e acreditaram... independentemente da cor.... e oxalá não lhe aconteça mal nenhum.... mas os Serviços Secretos têm trabalhinho extra.
Apesar da eleição dele ser mais importante para os Estados Unidos do que para a Europa, porque eu acho que a nível de política externa não irá haver diferenças muito significativas.... eu acredito nele e acho que ele não fará as coisas mais depressa porque não é possível.... é um feeling... e eu sou uma mulher de feelings.
Quem não deve estar muito contente com a eleição dele, para além da facção republicana, são os ridiculos Red Necks... adoro ver os mails que a minha amiga que vive nos States me manda.
Bjs
Cris
De Luís Castro a 18 de Novembro de 2008 às 21:11
Cris, discordo.
Não acho que por ser preto tenha de mostrar mais do que se fosse branco.
Ele já provou o que vale, falta-lhe cumprir.
E para quem tanto prometeu, tem de começar bem.
Bjs
LC

Comentar post

Reportagem Angola - 1999



Reportagem Iraque - 2005


Reportagem Guiné - 2008


Reportagem Guiné - 2008


Reportagem Afeganistão - 2010

Livros

"Repórter de Guerra" relata alguns dos conflitos por onde andei. Iraque, Afeganistão, Angola, Cabinda, Guiné-Bissau e Timor-Leste. [Comprar]



"Por que Adoptámos Maddie" aborda o fenómeno mediático gerado à volta do desaparecimento de Madeleine McCann. [Comprar]


Sugestões para reportagem



Milhão e meio de portugueses elegem diariamente o Telejornal da RTP.
E porque o fazemos para vós, quero lançar-vos um desafio: proponho que usem o meu blogue para deixarem as vossas sugestões de reportagem.

Luís Castro
Editor Executivo
Informação - RTP

E-mail: cheiroapolvora@sapo.pt

Perfil

Jornalista desde 1988
- 8 anos em Rádio:
Rádio Lajes (Açores)
Rádio Nova (Porto)
Rádio Renascença
RDP/Antena 1

- Colaborações em Rádio:
Voz da América
Voz da Alemanha
BBC Rádio
Rádio Caracol (Colômbia)
Diversas - Brasil e na Argentina

- Colaborações Imprensa:
Expresso
Agência Lusa
Revistas diversas
Artigos de Opinião

RTP:
Editor de Política, Economia e Internacional na RTP-Porto (2001/2002)
Coordenador do "Bom-Dia Portugal" (2002/2004)
Coordenador do "Telejornal" (2004/2008)
Editor Executivo de Informação (2008/2010)

Enviado especial:
20 guerras/situações de conflito

Outras:
Formador em cursos relacionados com jornalismo de guerra e com forças especiais
Protagonista do documentário "Em nome de Allah", da televisão Iraniana
ONG "Missão Infinita" - Presidente

Obras publicadas:
"Repórter de Guerra" - autor
"Por que Adoptámos Maddie" - autor
"Curtas Letragens" - co-autor
"Os Dias de Bagdade" - colaboração
"Sonhos Que o Vento Levou" - colaboração
"10 Anos de Microcrédito" - colaboração

Pesquisar blog

Arquivos

Abril 2016

Janeiro 2016

Outubro 2015

Junho 2015

Maio 2015

Fevereiro 2013

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Agosto 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Categorias

política

economia

angola 2008

iraque 2008

sexo

afeganistão 2010

mau feitio

televisão

eua

mundo

amigo iraquiano

futebol

curiosidades

telejornal

saúde

iraque

missão infinita

religião

repórter de guerra - iraque

euro2008

guiné

humor

repórter de guerra - cabinda

acidentes

criminalidade

jornalismo

polícia

segurança

solidariedade

rtp

sociedade

terrorismo

afeganistão

caso maddie

crianças talibés

desporto

diversos

férias

futuro

justiça

todas as tags

subscrever feeds