Sábado, 22 de Novembro de 2008

Quem está a mentir?

 

António Marta:

“Se o Dr. Dias Loureiro anda a dizer isso, ou está a fazer confusão com a pessoa ou a mentir".

“Ele veio perguntar-me porque é que o Banco de Portugal andava tão em cima do BPN, ao que eu lhe  respondi que isso tinha que ver com o facto do banco ter uma gestão pouco transparente e de haver muitos negócios entre a administração e os accionistas".

"Foi uma conversa a sós, até me lembro da sala onde decorreu. Se fosse uma coisa como ele diz, certamente que a teria transmitido ao senhor governador".

"Ele quer ilibar-se".

 

Dias Loureiro:

“Estou espantado!”

"O que eu fui lá fazer foi aquilo que eu disse ontem aos portugueses na televisão.

É a verdade!"

 

http://aeiou.expresso.pt/gen.pl?p=stories&op=view&fokey=ex.stories/460156 

 

 

Luís Castro 

publicado por Luís Castro às 21:07
link do post | comentar
58 comentários:
De Alberto Fernandes a 22 de Novembro de 2008 às 22:21
Estimado Luís

Temos de os levar ao programa da Teresa Guilherme....


Abraço,
Alberto Fernandes
De Luís Castro a 22 de Novembro de 2008 às 22:52
Isso!
A máquina da verdade.
Ab.
LC
De deprofundisvalsalenta a 22 de Novembro de 2008 às 22:37
Pois, acredito que o estado psico-social em que se encontram não deve ser melhor do que o meu. Até porque eu nunca tive dinheiro no BPN.
Se eu por vezes já não digo "coisa com coisa", embora continue a fazer um esforço tremendo, que dizer destes senhores.
Eu por acaso também já não me lembro qual foi a ementa do 689º dia de serviço militar.
É o que temos...
De Luís Castro a 22 de Novembro de 2008 às 22:56
Foi rancho, não foi?
rs...rs...rs...
Ou terá sido bacalhau com grão?
LC
De Filipe Domingos a 22 de Novembro de 2008 às 22:47
Tanto afã em se justificar não trará alguma má consciência? Faltou-lhe o palco da A.R. apareceu milagrosamente o da RTP.
O homem não se safa!!!
De Luís Castro a 22 de Novembro de 2008 às 22:57
Acho que terá de explicar mais do que aquilo que fez na Grande Entrevista.
Ab.
LC
De João Azevedo a 22 de Novembro de 2008 às 23:09
Acredito piamente em Ant. Marta, o que é muito razoável. O nosso amigo Loureiro há muito que deve ser o "padrinho" cá do sitio. Então vai em viagens com o sócio e não tem responsabilidades algumas. Acredito na sua incompetência mas não na ingenuidade. Ainda não percebi porque teve tempo de antena na RTP 1. O seu tempo deve ser no TIC, aí sim deve dar explicações ou na PJ se houver querer para tal. Com estas figuras é sempre difícil. Está a tentar a incriminação do parceiro. Mais uma novela que devia ser tratada no local certo e não na Comunicação Social. Já estamos habituados ao show.
J. Azevedo
De Luís Castro a 23 de Novembro de 2008 às 15:11
João,
Dias Loureiro pediu para ser ouvido na Assembleia da República, mas o PS não o permitiu. Lá sabem porquê.
Apenas me pronuncio sobre a oportuniadde de entrevista na RTP.
O que ele disse na "Grande Entrevista" e as reacções que desencadeou, demonstram o interesse jornalístico que havia e que levou a ouvir Dias Loureiro.
Ab.
LC
De Luís Castro a 23 de Novembro de 2008 às 15:13
Mas, claro,
nada nem ninguém se pode colocar acima da Justiça.
Uma entrevista não deve ser a atribuição de culpa ou de inocência.
Apenas deve contribuir para encontrar a verdade.
Ab.
LC
De J. Azevedo a 23 de Novembro de 2008 às 18:25
Caro Amigo Luis ,
É claro que Loureiro pediu para ser ouvido na AR, mas ficou provado na entrevista que nada ía lá fazer, além de entreter e provavelmente manipular. Na entrevista nada disse e penso que mais nada terá a dizer. Quanto ao interesse jornalístico, bem aí o povo sabe o que é tratar e vender casos destes. Pelos comentários todos ficaram esclarecidos de que mente, e sabe muito mais do que aparenta. Agora vai ser criada a Comissão de Inquérito, essa sim para tratar o caso "BPN" e não o caso "Dias Loureiro" que não interessa para nada. Importante é apurar o que se passou para aparecer o "buraco" no BPN e os contribuintes tenham que pagar a factura. Politicos há alguns sérios, mas... talvez não haja muitos. A credibilidade já lá vai. "A ocasião faz...."
Quanto à grande entrevista, programa que gosto de acompanhar, ofereceu uma oportunidade de ouro a quem a não merecia. A Dra. Judite de Sousa e a RTP deram-lhe uma tal importância que, naquele canal não se percebe. A deferência jornalística a esta personalidade e a forma como se tratam outros casos, não é de ingenuidade, não é tratar um caso, mas explorar o tal interesse oportunistico da notícia. Assim se vende o produto e se trabalha para o share . Contudo não se condene o Dr. Dias Loureiro antes de se apurarem os factos, porque deve haver mais "gente" envolvida, e bom seria que começasse por envolver outros nomes, que não, intencionalmente, querer culpar o sócio de tudo aquilo que ambos e outros praticaram. Vamos aguardar e que a Justiça cumpra a sua obrigação.
Um abraço e que isto não nos tire o sono.
J.Azevedo
De Luís Castro a 24 de Novembro de 2008 às 00:43
Não, não tira não!
Já aqui o disse: a almofada é o meu Deus.
Quando chego à cama, é tiro e queda.
É a almofada que me julga pelo que fiz ao longo do dia.
Sobre os outros, cada um que responda, não é assim?
Abraço.
LC
De enfermeiro_de_serviço a 22 de Novembro de 2008 às 23:12
Não conheço pessoalmente nenhum dos dois..

Pelas declarações que ouvi e li de cada um deles parece me que o Senhor Loureiro está a querer fugir com o rabo à seringa...vá la se saber porquê...

Também temos que ver uma coisa...nenhum dos dois é santo..temos é que perceber qual dos dois é mais "pecador".
De Luís Castro a 23 de Novembro de 2008 às 15:15
Espero que a Justiça seja exemplar, doa a quem doer, para que casoso como este não se repitam.
Ab.
LC
De Ana Paula Albuquerque Almeida a 23 de Novembro de 2008 às 23:29
Boa noite,

Também gostaria de ver esse desejo cumprido e não só. Gostaria de ver todos os envolvidos seriamente punidos e obrigados a reporem, com juros, todo o dinheiro que desviaram. Quanto a quem está mentir, espero que seja a justiça a descobrir e rapidamente. Caso contrário, será mais um caso a "cair em saco roto" e mais um espectáculo de circo para desviar a atenção de outros casos que se perpetuam, à espera de justiça.

Bjs e bom trabalho
De Luís Castro a 24 de Novembro de 2008 às 00:58
Não achas que estás a pedir muito?
Bjs
LC
De Ana Paula Albuquerque Almeida a 24 de Novembro de 2008 às 11:10
Bom dia,

Tens razão. Estou a pedir muito. Contudo, pôr esta gentinha a "ver o sol aos quadradinhos" não é suficiente. Claro, é já um indício de melhorias da nossa justiça mas, definitivamente, não chega.
O Estado, e bem, em minha opinião, “salvou” aquele banco, apesar de eu não ter lá conta.
Agora, de onde veio o dinheiro para o efeito? Exactamente. E quem é o Estado? Será que mais uma vez, vamos ficar impávidos e serenos, todos satisfeitos por ver um outro tipo de ceita ir para a prisão? Seremos sequer incapazes de pensar que quando saírem (se é que vão entrar ou ficar lá por tempo justo) vão continuar na posse de fortunas que, na maioria, não lhes pertencem? Sempre vale a pena roubar. Em grande, claro!
Repito, tens razão. Estou a pedir muito mas já não é só à justiça. É também aos portugueses.

Bjs
De Luís Castro a 24 de Novembro de 2008 às 18:46
Mesmo assim, prefiro ser pobre e estar cá fora.
Bjs
LC
De Luís Castro a 24 de Novembro de 2008 às 00:18
Visto.
LC
De Maria Araújo a 22 de Novembro de 2008 às 23:32
E eu continuo a afirmar, coitadinha de mim que não sei nada destas coisas, que estes gajos, desculpem-me, safam-se sempre.
Estou cheia desta má política, dos burlões, da justiça e dos media, perdoe-me Luís.
Não há-de faltar muito tempo que estes senhores vão pedir uma indemnização ao Estado por danos morais....
Ó povo português, onde andas tu???
Distraído, no hipermercado, a gastar o "euru".
De enfermeiro_de_serviço a 22 de Novembro de 2008 às 23:58
Infelizmente estamos fartos de ver teatrices destas...

Políticos armados em virgens ofendidas e quando alguém diz alguma coisa é uma o fim do mundo.

Quando estão confortáveis no tacho que os amigos arranjam não se queixam..
De Luís Castro a 23 de Novembro de 2008 às 15:24
Esperemos pela Justiça.
Desta vez parece estar atenta.
Agora, porque andou muita gente a "dormir" até à bem pouco tempo.
Nem com a s denúncias que apareceram na imprensa, o BdP acordou para o problema.
Mais: dentro do mundo da finança, as trapalhadas do BPN há muito que eram conhecidas.
Ab.
LC
De enfermeiro_de_serviço a 23 de Novembro de 2008 às 15:41
A questão é se estas..trapalhadas...só existem no bpn....

Será que daqui a pouco tempo não vão ser notícias outros casos noutros bancos..? Não sera isto a ponta do iceberg?
De Luís Castro a 24 de Novembro de 2008 às 00:38
Embora diferentes, o BCP foi outro caso de trapalhadas e operações menos claras.
Nunca se sabe...
Ab.
LC
De Luís Castro a 24 de Novembro de 2008 às 00:20
Visto.
LC
De Luís Castro a 23 de Novembro de 2008 às 15:20
Desta vez não me parece que a culpa morra solteira.
Espero.
Bjs
LC
De Maria Araújo a 23 de Novembro de 2008 às 19:46
Olá, Luís.
Não estou a pedir-lhe o desafio de entrar no jogo do BPN, mas entre no meu, visitando o meu blog, e aceite o desafio,que me propuseram também, e proponho-o a si.
E desculpe aproveitar-me deste comentário...para o desafiar.
O "jogo" dos jornalistas são importantes.
Um beijinho
De Luís Castro a 24 de Novembro de 2008 às 00:44
Vou já lá.
Bjs
LC
De Luís Castro a 24 de Novembro de 2008 às 00:46
Visto.
LC
De Luís Castro a 24 de Novembro de 2008 às 00:49
Qualquer coisa correu mal.
Qual é o desafio?
Bjs
LC
De Luís Castro a 24 de Novembro de 2008 às 00:19
Visto.
LC
De Si a 23 de Novembro de 2008 às 10:42
Muito sinceramente, acredito piamente nos dois.
Ao fim de uma vida inteira a arranjar esquemas, para encobrir os seus próprios esquemas e os dos amigos que também têm um esquema, que protege esquemas de mais não sei quantos, será, concerteza quase impossível de distinguir a realidade da mentira, à força de tanto convencerem aquelas consciências de que tudo fazem por bem**, e a conseguirem placidamente dormir de noite.

**bem deles, dos seus interesses, dos interesses de quem cuida dos seus próprios interesses, etc., etc., etc.,.....
De Maria Araújo a 23 de Novembro de 2008 às 12:28
Bem dito..."a consegurem placidamente dormir de noite".
Ou, será que não dormem de noite a engendrar novas estratégias de obter mais em seu proveito??
...É no silêncio do quarto que muitas vezes as ideias ocorrem, seja para bem dos outros, seja para seu próprio bem.
De Si a 23 de Novembro de 2008 às 13:07
Não é preciso, que para isso lhes chegam os dias, passados a cirandar nos meandros das teias comuns, em busca de novas presas.
E depois, sempre têm os assessores, os secretários, os sub-directores, que mesmo que não engendrem serão sempre óptimos bodes expiatórios, asseguradores pofissionais do seu impoluto sono....
De Luís Castro a 24 de Novembro de 2008 às 00:28
Visto.
LC
De Luís Castro a 24 de Novembro de 2008 às 00:24
Visto.
LC
De Diogo Rodrigues a 23 de Novembro de 2008 às 22:08


Imparcialidade jornalística:

Dois meninos estavam a sair do Estádio de Alvalade, quando um deles é
atacado por um cão, da raça Rottweiler.

O outro menino, imediatamente, agarra num tubo de metal e dá com ele na
cabeça do animal, matando-o, permitindo assim que o amigo escape apenas
com alguns arranhões.

Ao ver a cena, um jornalista que passava pelo local correu para ser o
primeiro a cobrir o acontecimento e escreveu no seu caderninho:

Jovem verde e branco, salva amigo do ataque de um cão.' *
- Mas eu não sou verde e branco, disse o menino.
E então, o repórter corrige para:
*'Bravo pequeno herói benfiquista salva amigo das garras de animal feroz'. *
- Mas eu também não sou benfiquista, disse o menino novamente.
- Desculpa outra vez, apenas pensei que como estamos em Lisboa e não és
verde e branco, deverias ser benfiquista. Afinal, de que equipa és tu?
- Sou Portista.
E o repórter volta a escrever em seu caderninho:

*'Delinquente portista assassina brutalmente animal doméstico indefeso'*


ahahahaahahah
De Luís Castro a 24 de Novembro de 2008 às 00:55
Abraço do "delinquente" Luís Castro
De Filipa Jardim a 23 de Novembro de 2008 às 22:30
Olá Luís,

Pois alguém diz a verdade e alguém está a dizer mentira. ou me engano, ou ainda a procissão vai no adro...

Também gostei muito da demarcação do senhor Presidente da República, veio a terreiro muito depressa, ninguém percebeu porquê.
Bjs
De filha do administrador a 24 de Novembro de 2008 às 01:05
pois, e só agora se voltou a lembrar do assunto !!!!
De Luís Castro a 24 de Novembro de 2008 às 18:44
Visto.
LC

Comentar post

Reportagem Angola - 1999



Reportagem Iraque - 2005


Reportagem Guiné - 2008


Reportagem Guiné - 2008


Reportagem Afeganistão - 2010

Livros

"Repórter de Guerra" relata alguns dos conflitos por onde andei. Iraque, Afeganistão, Angola, Cabinda, Guiné-Bissau e Timor-Leste. [Comprar]



"Por que Adoptámos Maddie" aborda o fenómeno mediático gerado à volta do desaparecimento de Madeleine McCann. [Comprar]


Sugestões para reportagem



Milhão e meio de portugueses elegem diariamente o Telejornal da RTP.
E porque o fazemos para vós, quero lançar-vos um desafio: proponho que usem o meu blogue para deixarem as vossas sugestões de reportagem.

Luís Castro
Editor Executivo
Informação - RTP

E-mail: cheiroapolvora@sapo.pt

Perfil

Jornalista desde 1988
- 8 anos em Rádio:
Rádio Lajes (Açores)
Rádio Nova (Porto)
Rádio Renascença
RDP/Antena 1

- Colaborações em Rádio:
Voz da América
Voz da Alemanha
BBC Rádio
Rádio Caracol (Colômbia)
Diversas - Brasil e na Argentina

- Colaborações Imprensa:
Expresso
Agência Lusa
Revistas diversas
Artigos de Opinião

RTP:
Editor de Política, Economia e Internacional na RTP-Porto (2001/2002)
Coordenador do "Bom-Dia Portugal" (2002/2004)
Coordenador do "Telejornal" (2004/2008)
Editor Executivo de Informação (2008/2010)

Enviado especial:
20 guerras/situações de conflito

Outras:
Formador em cursos relacionados com jornalismo de guerra e com forças especiais
Protagonista do documentário "Em nome de Allah", da televisão Iraniana
ONG "Missão Infinita" - Presidente

Obras publicadas:
"Repórter de Guerra" - autor
"Por que Adoptámos Maddie" - autor
"Curtas Letragens" - co-autor
"Os Dias de Bagdade" - colaboração
"Sonhos Que o Vento Levou" - colaboração
"10 Anos de Microcrédito" - colaboração

Pesquisar blog

Arquivos

Abril 2016

Janeiro 2016

Outubro 2015

Junho 2015

Maio 2015

Fevereiro 2013

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Agosto 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Categorias

política

economia

angola 2008

iraque 2008

sexo

afeganistão 2010

mau feitio

televisão

eua

mundo

amigo iraquiano

futebol

curiosidades

telejornal

saúde

iraque

missão infinita

religião

repórter de guerra - iraque

euro2008

guiné

humor

repórter de guerra - cabinda

acidentes

criminalidade

jornalismo

polícia

segurança

solidariedade

rtp

sociedade

terrorismo

afeganistão

caso maddie

crianças talibés

desporto

diversos

férias

futuro

justiça

todas as tags

subscrever feeds