Quinta-feira, 18 de Dezembro de 2008

Um dos maiores massacres

Theoneste Bagososra foi condenado a prisão perpétua pelo genocídio de 1994, no Ruanda.

 

“O coronel Bagosora é considerado culpado por genocídio e por crimes de guerra e contra a humanidade”, disse o Tribunal Internacional Criminal, para o Ruanda, sedeado na Tanzânia.

Entre as muitas acusações, Bagosora, agora com 67 anos, foi acusado de ter comandado as tropas e a milícia Interahamwe Hutu no massacre de 800 mil tutsis e hutus moderados.

Bagosora, que logo a seguir aos massacres pediu exílio nos Camarões, foi detido em 1996 e levado a tribunal em 1997. O julgamento, no entanto, só começou em 2002 e levou cinco anos.

 

Luís Castro

publicado por Luís Castro às 21:15
link do post | comentar
16 comentários:
De isabel torres cabral a 19 de Dezembro de 2008 às 00:06


Olá LC

se ainda não viu " Hotel Rwanda", não deixe de ver !

tem tudo a ver !

um abraço

itc
De Luís Castro a 19 de Dezembro de 2008 às 00:48
Vi logo que saiu.
Fantástico.
Não estive lá na altura do genocídio, mas passei por lá perto anos depois.
Bjs
LC
De Virgínia a 19 de Dezembro de 2008 às 10:09
Bom dia Luís e Isabel
Eu vi o "Hotel Ruanda", e, quando o filme é tão terrível, como podemos imaginar que a realidade ainda foi mais terrível?
Aos que foram assassinados, que descansem em Paz.
Aos milhares que foram estropiados, coragem.
Esse desgraçado coronel devia ter uma morte bem lenta para ter tempo de pensar no horror e dor que infligiu a milhares de inocentes.
Bjs

De isabel torres cabral a 19 de Dezembro de 2008 às 19:28

a vingança não leva a lado nenhum ! é uma pura perda de tempo ! e ele é tão escasso !

desarmar criminosos, sim! mas, sem os massacrar !


Rwanda Genocide (http://br.youtube.com/watch?v=XsdPrQNa0Ig&NR=1)
De Luís Castro a 19 de Dezembro de 2008 às 21:31
Que sirva de exemplo a outros potenciais criminosos!
Bjs
LC
De Luís Castro a 19 de Dezembro de 2008 às 21:26
A ficção ali superou horrivelmente a realidade!
LC
De Pedro Oliveira a 19 de Dezembro de 2008 às 16:09
Como vou estou e vou de Férias e com a tua permissão, não gostaria de me ausentar sem primeiro dizer que o ano de 2008 foi um excelente ano porque, entre outros acontecimnetos sou um dos comentadores de primeira hora do cheiro a pólvora.É com muita honra , humildade e sentido de gratidão que te envio UM GRANDE ABRAÇO, pois fizeste com que figuras públicas para gente anónima como eu, estivessem perto de nós.Jamais esquecerei o que fizeste pelo Vila Forte, pode parecer pouco para ti, mas para pessoas da provincia que querem uma terra diferente, a tua ajuda foi fundamental para o sucesso do evento que organizámos.
A blogosfera é sem duvida uma ferramenta de aproximação de pessoas e não é nada o que alguns politicos querem fazer dela, um bode expiatório da má língua.
Obrigado Luís, que tenhas um excelente Natal com a tua familia e peço que envies um abraço fraterno ao Bassim, afinal foi ele o catalizador disto tudo, espero que ele e a familia estejam bem. Até 2009!
De Luís Castro a 19 de Dezembro de 2008 às 21:28
Obrigado, amigo!
Sempre às ordens!
Bom Natal e Feliz 2009.
LC
De POESIA-NO-POPULAR a 19 de Dezembro de 2008 às 18:28
Amigo Luís
Que a justiça funcione tão rápida quanto possível, para todos os canalhas desta estirpe, o Mundo precisa saber que quem agir desta forma, terá o merecido castigo, e mais o Mundo devia estar preparado para evitar estas situações, para as quais a justiça se apouca.
Abraço, Bom Natal.
De Luís Castro a 19 de Dezembro de 2008 às 21:31
O problema é que os massacres continuam lá bem perto, na região de Goma e Kisangani.
LC
De Andre Ramos a 20 de Dezembro de 2008 às 15:56
O problema é que de vez em quando apanha-se um tipo destes DEPOIS dos massacres, DEPOIS da comunidade internacional assistir impávida e serena aos acontecimentos. Quando é que se começa a actuar ANTES ? Poupava-se o julgamento e milh(ares/ões) de vidas.
E que dizer do massacre silencioso que está a acontecer no Zimbabwe ? E no Congo ?...
... provavelmente mais julgamentos à vista lá para 2025...
Luis: Bom Natal e um 2009 em tudo melhor que 2008 (será pedir demais ?).
De Luís Castro a 21 de Dezembro de 2008 às 14:40
Pelo menos que cá andemos daqui a um ano.
Já será bom.
Obrigado e boas festas.
LC
De JP Costa a 20 de Dezembro de 2008 às 16:29
Seria interessante para os jovens portugueses, que provavelmente a par de mim não têm conhecimento/noção dos massacres que foram cometidos pelas tropas portuguesas nas antigas colónias portuguesas aquando da guerra do Ultramar. É um tema polémico, mas seria interessante que aborda-se/relata-se alguns desses episódios.

Cumprimentos

JP Costa
De Luís Castro a 21 de Dezembro de 2008 às 14:45
JP Costa,
tudo tem de ser lido à luz da época em que acontece.
Alguns desses massacres de que falas aconteceram depois da UPA ter esquartejado, assassinado e violentado horrivelmente os colonos brancos.
Foi um crescendo de parte a parte.
Ab.
LC
De JP Costa a 25 de Dezembro de 2008 às 16:41
Sim, claro. Quando digo que não tenho noção do que as tropas portuguesas fizeram, ao mesmo tempo também não tenho noção das atitudes e actos daqueles que estavam "no outro lado da trincheira". Fique bem claro, que não julgo nem culpo as tropas portuguesas d'altura.

Abraço
De Luís Castro a 26 de Dezembro de 2008 às 22:18
Claro, entendi isso logo do início.
Abraço.
LC

Comentar post

Reportagem Angola - 1999



Reportagem Iraque - 2005


Reportagem Guiné - 2008


Reportagem Guiné - 2008


Reportagem Afeganistão - 2010

Livros

"Repórter de Guerra" relata alguns dos conflitos por onde andei. Iraque, Afeganistão, Angola, Cabinda, Guiné-Bissau e Timor-Leste. [Comprar]



"Por que Adoptámos Maddie" aborda o fenómeno mediático gerado à volta do desaparecimento de Madeleine McCann. [Comprar]


Sugestões para reportagem



Milhão e meio de portugueses elegem diariamente o Telejornal da RTP.
E porque o fazemos para vós, quero lançar-vos um desafio: proponho que usem o meu blogue para deixarem as vossas sugestões de reportagem.

Luís Castro
Editor Executivo
Informação - RTP

E-mail: cheiroapolvora@sapo.pt

Perfil

Jornalista desde 1988
- 8 anos em Rádio:
Rádio Lajes (Açores)
Rádio Nova (Porto)
Rádio Renascença
RDP/Antena 1

- Colaborações em Rádio:
Voz da América
Voz da Alemanha
BBC Rádio
Rádio Caracol (Colômbia)
Diversas - Brasil e na Argentina

- Colaborações Imprensa:
Expresso
Agência Lusa
Revistas diversas
Artigos de Opinião

RTP:
Editor de Política, Economia e Internacional na RTP-Porto (2001/2002)
Coordenador do "Bom-Dia Portugal" (2002/2004)
Coordenador do "Telejornal" (2004/2008)
Editor Executivo de Informação (2008/2010)

Enviado especial:
20 guerras/situações de conflito

Outras:
Formador em cursos relacionados com jornalismo de guerra e com forças especiais
Protagonista do documentário "Em nome de Allah", da televisão Iraniana
ONG "Missão Infinita" - Presidente

Obras publicadas:
"Repórter de Guerra" - autor
"Por que Adoptámos Maddie" - autor
"Curtas Letragens" - co-autor
"Os Dias de Bagdade" - colaboração
"Sonhos Que o Vento Levou" - colaboração
"10 Anos de Microcrédito" - colaboração

Pesquisar blog

Arquivos

Abril 2016

Janeiro 2016

Outubro 2015

Junho 2015

Maio 2015

Fevereiro 2013

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Agosto 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Categorias

política

economia

angola 2008

iraque 2008

sexo

afeganistão 2010

mau feitio

televisão

eua

mundo

amigo iraquiano

futebol

curiosidades

telejornal

saúde

iraque

missão infinita

religião

repórter de guerra - iraque

euro2008

guiné

humor

repórter de guerra - cabinda

acidentes

criminalidade

jornalismo

polícia

segurança

solidariedade

rtp

sociedade

terrorismo

afeganistão

caso maddie

crianças talibés

desporto

diversos

férias

futuro

justiça

todas as tags

subscrever feeds