Sexta-feira, 17 de Abril de 2009

Tão caras?

 

Acabo de tomar uma decisão: vender o carro e comprar uma scooter eléctrica para andar em Lisboa.

 

Faço, em média, quarenta quilómetros por dia para me deslocar entre casa e trabalho e, como tenho um segundo carro, vendo o Alfa Romeo e o meu querido Fiat 500 fica para a família.

 

No entanto, após uma volta pela internet, percebi que os preços das scooters eléctricas ultrapassam os dois mil euros. É mesmo assim, ou alguém conhece marcas com preços mais baixos?

 

Agradeço opiniões e sugestões.

 

Luís Castro

Categorias: ,
publicado por Luís Castro às 01:55
link do post | comentar
38 comentários:
De Diogo Rodrigues a 17 de Abril de 2009 às 03:07
Eu optava por uma mota dita "convencional" a gasolina são baratas e podes comprar usadas a bom preço, não sei se tens carta de mota ou se andas bem, mas a gasolina tens muitas opções e bastante fixes

abraço []
De Nuno Martins a 17 de Abril de 2009 às 10:10
Bom dia Luís,

Estou a trabalhar na área dos veículos eléctricos, e o que recomendo relativamente a marcas, são as Zeco Scooters. Eles têm distribuidor em Portugal.
Talvez esta ainda não seja a altura mais certa para adquirir a mota, uma vez que é um bocado cara e os pontos de carregamento na cidade de Lisboa escasseiam. Mas posso adiantar te que há planos muito sérios para a criação de uma rede logística para parques de carregamento de veículos eléctricos.

Há já muitas pessoas envolvidas neste conceito, e dentro de 3 anos prevê-se que consigas andar perfeitamente em Lisboa sem estares preocupado com a logística dos carregamentos.

Finalmente começa a mudar o paradigma, eu próprio já andei a sondar mercado também, mas Coimbra está mais atrasado nesse aspecto. Algo que mudará em breve também.
De Luís Castro a 18 de Abril de 2009 às 12:29
Concordo:
são demasiado caras e faltam pontes de recarga.
Espero que a mudança seja para breve.
Ab e obg.
LC
De Luís Castro a 17 de Abril de 2009 às 13:39
Não tenho carta de motociclos.
Realmente é grande e adiferença de preços entre as scooters eléctricas e as de gasolina.
LC
De Luís Castro a 18 de Abril de 2009 às 12:34
Não tenho carta de motociclos.
Olha que também não sºão muito baratas...
Ab e bom ffds.
LC
De Pedro Oliveira a 17 de Abril de 2009 às 09:25
Infelizmente não,Podes crer bué de caras, e depois querem que um gajo seja amigo do ambiente.

se me permites e porque acho que é importante,gostaria de te convidar a ires ao VF, hoje esta é a razão:

Há quem diga que se a Académica tem ganho a final da taça de Portugal em 1969 ao benfica, que podia ter começado ali a revolução que se veio a dar 5 anos mais tarde.
Mas tudo começou faz hoje 40 anos, dia 17 Abril de 1969 na Inauguração do Edificio das matemáticas da Universidade de Coimbra. Re-lembre ou aprenda mais sobre estes acontecimentos em: http://vilaforte.blogs.sapo.pt/149183.html
De Luís Castro a 17 de Abril de 2009 às 13:40
Vou até lá .
Ab.
LC
De Pedro Oliveira a 17 de Abril de 2009 às 09:26
...VF hoje,esta é a razão.
De Luís Castro a 17 de Abril de 2009 às 13:42
Esta tarde vou ver o vídeo.
LC
De Helder Pereira a 17 de Abril de 2009 às 10:01
Olá Luís !!!

Essa é a minha grande paixão. Os veículos eléctricos! Sabes que se hoje não temos veículos eléctricos é porque simplesmente os grandes construtores não querem? Olha esquece o que o primeiro post diz. Sim, tens scooters por menos de 2000€ sim senhora! E não, não compres uma a combustão. É a melhor opção que podes ter tomado a respeito de mobilidade pessoal. É um mundo tão vasto! Se quiseres saber muito mais sobre VE's vai aqui: novaenergia.net , entras no fórum que tens lá um dedicado a VE's . Se mesmo assim precisares de ajuda diz, podes sempre mandar-me um email, que eu estarei totalmente interessado em ajudar.

Já me fizeste ganhar o dia!!!!!

Um grande abraço!
De Luís Castro a 17 de Abril de 2009 às 13:44
Ok.
Esta tarde vou lá dar uma vista de olhos.
Abraço e obrigado
LC
De Helder Pereira a 17 de Abril de 2009 às 10:08
Ha! E esqueci-me de dizer uma coisa, não olhes para o preço de aquisição (apesar de teres propostas abaixo dos 2000€), só como introdução pensa assim:

- 0,40€ para fazer 100Km

- Manutenção quase nula, as únicas coisas que farás serão mudar pneus e travões, esquece revisões, óleos (mais poluição), filtros, etc. e não acredites nos valores dos construtores sobre médias nas scooters a gasolina de 2,5 vou 3 litros aos 100Km porque ninguém até hoje conseguiu isso, o mínimo foi 3,5 aos 100Km.

Faz umas contas simples e depois vê bem a 40Km por dia quantos €'s poupas em relação ao que tens actualmente e ao que pouparás em relação a uma scooter a gasolina.

Aqui não estou a contabilizar o facto de seres emissões de carbono 0 (ZERO)!

Excelente, Luís, excelente opção!
De Luís Castro a 18 de Abril de 2009 às 12:28
Só no que se poupa...
O problema é a chuva e o perigo de quem anda devagar e mais vulnerável fica ao transito.
Obg.
Ab.
LC
De Helder Pereira a 20 de Abril de 2009 às 13:45
Há hipóteses para tudo. Tem lá no fórum que te indiquei, pessoal que a usa com temperaturas negativas e pessoal que nem um temporal os demove pois contam que com um impermiavél é suficiente para chegar sequinho! Agora a parte do perigoso.... também é perigoso andares na rua, pode desabar um prédio, pode um carro despistar-se e atropelar-te, se ficares em casa pode haver um terramoto. Enfim, quanto a mim essa parte será sempre subjectiva. Conheço pessoas que andam de mota faz 30 anos e nunca sofreram nenhum acidente...

Mas esses argumentos são para TODAS as motas e não somente para as elétricas. Como falas-te em elétricas... penso que isso já seja off-topic...

Qualquer decisão será melhor que um carro que é certamente imensamente mais poluidor.
De Luís Castro a 20 de Abril de 2009 às 15:25
E também já dei muitas quedas de bicicleta.
Ab e obg.
LC
De Virgínia a 17 de Abril de 2009 às 10:15
Bom dia Luis
Esqueça a mota e fique com os seus popós!
A mota eléctrica é muito gira, não poluente e muito prática mas, isto se estiver bom tempo!
Se chove é um problema.
Em Lisboa, fazer quarenta quilómetros por dia, não é nada!
Vinte quilómetros para cada lado!
Não faltam transportes públicos confortáveis e frequentes!
E, quanto à mota... já viu que se leva 'um toque' e cai dá cabo do seu lindo 'corpinho'?
Bem sei que já andou pelas guerras mas a cidade é uma selva... rs.rs.rs.
Hoje estou bem disposta!
Beijos

De Luís Castro a 18 de Abril de 2009 às 12:30
A minha mulher diz o mesmo.
Acha que sou maluco...
Bjs
LC
De Diogo Rodrigues a 19 de Abril de 2009 às 07:21
Isso é verdade eu já cai de mota e fracturei um osso no pulso, ou seja as quedas de mota são duras ;)
De Luís Castro a 19 de Abril de 2009 às 11:56
Ora aí está,
essa é a minha grande preocupação.
LC
De Sónia Pessoa a 17 de Abril de 2009 às 12:03
Pergunta prática: e se chove? O preço da scooter mais o preço dos medicamentos para curar as gripes... acho que deves repensar esse assunto... beijocas
De ALG a 17 de Abril de 2009 às 14:01
Se tiver tempo visite:

http://forum.motociclismo.pt/motos-electricas/

Tem aqui experiências, dúvidas e esclarecimentos sobre esta questão.

Cumprimentos
De Luís Castro a 18 de Abril de 2009 às 11:15
Obrigado, mas acho que já por lá andei.
Ab.
LC
De Pedro Oliveira a 17 de Abril de 2009 às 14:21
Meu caro e bom amigo Luís, raramente consigo ver o Jornal da tarde, mas hoje por motivos pessoais vi, as lágrimas vieram-me aos olhos depois da excelente "peça" sobre o a crise Académica de 1969.Só tenho um pedido a fazer-te, que passes a mesma peça no telejornal e no jornal da 2, os jovens têm de saber o que aconteceu há 40 anos.parafrasenado o jornalista do Jornal da Tarde:"Um País tem de ter memória".
OBRIGADO!! BRIOSA!! Quero a minha BRIOSA de volta, com todos os seus valores humanistas.
De Luís Castro a 18 de Abril de 2009 às 11:16
Pedro,
não estou na RTP.
Tirei dois dias de folga e estou a Norte.
Bom fds.
LC
De ETC a 18 de Abril de 2009 às 15:10
Luís, €2000 é caro??
Mais que isso pagam algumas pessoas por uma peça de vestuário.
Eu acho o preço bastante acessível. Compre. rsrsrs
Abraço
De Luís Castro a 19 de Abril de 2009 às 11:49
Não é?
É quase o meu ordenado num mês.
Não acredita?
LC

Comentar post

Reportagem Angola - 1999



Reportagem Iraque - 2005


Reportagem Guiné - 2008


Reportagem Guiné - 2008


Reportagem Afeganistão - 2010

Livros

"Repórter de Guerra" relata alguns dos conflitos por onde andei. Iraque, Afeganistão, Angola, Cabinda, Guiné-Bissau e Timor-Leste. [Comprar]



"Por que Adoptámos Maddie" aborda o fenómeno mediático gerado à volta do desaparecimento de Madeleine McCann. [Comprar]


Sugestões para reportagem



Milhão e meio de portugueses elegem diariamente o Telejornal da RTP.
E porque o fazemos para vós, quero lançar-vos um desafio: proponho que usem o meu blogue para deixarem as vossas sugestões de reportagem.

Luís Castro
Editor Executivo
Informação - RTP

E-mail: cheiroapolvora@sapo.pt

Perfil

Jornalista desde 1988
- 8 anos em Rádio:
Rádio Lajes (Açores)
Rádio Nova (Porto)
Rádio Renascença
RDP/Antena 1

- Colaborações em Rádio:
Voz da América
Voz da Alemanha
BBC Rádio
Rádio Caracol (Colômbia)
Diversas - Brasil e na Argentina

- Colaborações Imprensa:
Expresso
Agência Lusa
Revistas diversas
Artigos de Opinião

RTP:
Editor de Política, Economia e Internacional na RTP-Porto (2001/2002)
Coordenador do "Bom-Dia Portugal" (2002/2004)
Coordenador do "Telejornal" (2004/2008)
Editor Executivo de Informação (2008/2010)

Enviado especial:
20 guerras/situações de conflito

Outras:
Formador em cursos relacionados com jornalismo de guerra e com forças especiais
Protagonista do documentário "Em nome de Allah", da televisão Iraniana
ONG "Missão Infinita" - Presidente

Obras publicadas:
"Repórter de Guerra" - autor
"Por que Adoptámos Maddie" - autor
"Curtas Letragens" - co-autor
"Os Dias de Bagdade" - colaboração
"Sonhos Que o Vento Levou" - colaboração
"10 Anos de Microcrédito" - colaboração

Pesquisar blog

Arquivos

Abril 2016

Janeiro 2016

Outubro 2015

Junho 2015

Maio 2015

Fevereiro 2013

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Agosto 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Categorias

política

economia

angola 2008

iraque 2008

sexo

afeganistão 2010

mau feitio

televisão

eua

mundo

amigo iraquiano

futebol

curiosidades

telejornal

saúde

iraque

missão infinita

religião

repórter de guerra - iraque

euro2008

guiné

humor

repórter de guerra - cabinda

acidentes

criminalidade

jornalismo

polícia

segurança

solidariedade

rtp

sociedade

terrorismo

afeganistão

caso maddie

crianças talibés

desporto

diversos

férias

futuro

justiça

todas as tags

subscrever feeds