Quinta-feira, 25 de Junho de 2009

“Isto já deu a volta!”

PSD à frente do PS?

Os últimos estudos parecem apontar para uma viragem. “Isto já deu a volta” garantiu-me esta manhã um deputado do PSD, eufórico com mais estas duas polémicas à volta de Sócrates.

 

O PM está debaixo de fogo cerrado e o negócio da PT para comprar parte da TVI é mais um motivo para a oposição. Apesar de José Eduardo Moniz apoiar a entrada da PT na Media Capital à PT, paira a suspeita: quererá José Sócrates mudar a linha editoria da TVI? Vontade não lhe faltará, mas não acredito que seja o caso.

 

Está nas maõs de Cavaco Silva a machadada final em Sócrates. Se o Presidente marcar eleições legislativas e autárquicas em simultâneo, tudo indica que o PSD será beneficiado. Só assim se compreende que Ferreira Leite insista na simultaneidade. O argumento da poupança não colhe: Louçã garante que o que está em causa é o equivalente ao que a CM Lisboa gasta em iluminações de Natal e Bernardino Soares diz que “barato barato” seria não fazer eleições. Concordo com os dois.

 

Quanto à polémica do Provedor, tenho uma coisa a dizer aos senhores deputados:

vocês enervam-me! Já não tenho paciência para as vossas guerras intestinas!

Mais: quem se dá ao luxo de humilhar e deitar fora uma figura como Jorge Miranda, não merece o meu respeito político.

 

Luís Castro

publicado por Luís Castro às 18:01
link do post | comentar
29 comentários:
De Sócrates a 25 de Junho de 2009 às 18:46
Isto poderá é dar outra volta e espero bem que dê, para ver se começamos a ter deputados que colocam o bem da nação e da sua população à frente de guerrinhas partidárias e interesses de alguns.

Como diz o outro brasileiro: somos uns "trouxas".
De Luís Castro a 25 de Junho de 2009 às 19:49
"Trouxas" sem ovos...
ehehehe
LC
De jam a 26 de Junho de 2009 às 05:16
Meu caro Luís. O problema não se trata de trouxas sem ovos, trata- se da qualidade dos ovos com que se fazem as trous( deliciosas, mas que não posso comer. Ordem médica!).
As nossas trouxas vêm dos ovos da nação, isto é, de nós, são uma estrapolação de nós, do nosso ser, do nosso conjunto da sociedade. Eles são nós! Piores ou melhores, são uma projecção da nossa sociedade.E, no contexto ocidental até são bastante bons, embora, contaditoriamente, os ache medíocres.
Luis, o que falta na nossa sociedade é um sentido crítico que leve à análise, não o bota abaixismo dos Velhos do Restelo, em que a História mostra que somos férteis.
Então não é que no dia das eleições para o Parlamento Europeu descobri que já temos quase cinco mil freguesias!!! Oh! meu Deus ( e não sou católico) como me recordo do Presidente da Repúlica que ,no Porto, num pequeno almoço, me contava que tinha sido convidado a inaugurar um pavilhão gimnodesportivo numa freguesia, que para se encher,pela metade, tiveram de vir gentes de todos os arredores e ainda assim... foi o que foi.
Mais que os TGV's,l aeroportos,etc, etc, na dimensão do ESTADO é que está o problema.
E, disso nenhum partido fala, da esquerda à direita, ou da direita à esquerda.
A propósito não foi o meu Amigo António Costa que se propôs reformar a organização do EStado? Quatro anos depois continua- se a discutir o tostão daqui e dali, quando se passa sobre a essência: menos Estado, melhor Estado.
De Luís Castro a 26 de Junho de 2009 às 15:34
Jam,
um destes, um deputado respondia às minhas críticas sobre a qualidade dos deputados que por lá andam:
"Queria que fossem todos bons? Então o Parlamento não é representativo do país que temos?"
LC
De fernando penim redondo a 25 de Junho de 2009 às 19:35
Se em vez das estratégias partidárias forem considerados os interesses e a opinião da generalidade dos cidadãos acabaremos por ter as eleições autárquicas e legislativas no mesmo dia, 11 de Outubro.
O mais importante nesta decisão nem são as poupanças, que existem, mas evitar que as legislativas decorram ainda durante o mês de Setembro, tradicionalmente usado para férias e viagens.
Qualquer pessoa percebe, intuitivamente, que as eleições simultâneas se beneficiarão mutuamente em termos de participação do eleitores. E isso nos tempos actuais é o bem mais importante.
De Luís Castro a 25 de Junho de 2009 às 19:48
Por mim,
eleições simultâneas só para me poupar na paciência!
Ab.
LC
De Sócrates a 25 de Junho de 2009 às 20:45
E suponho que algum dinheiro também, ao Estado pelo menos (e a nós todos por arrasto que pagamos impostos). :)
De Luís Castro a 25 de Junho de 2009 às 21:25
Pelo que Louçã diz
a poupança não é significativa.
Será que vale a pena?
A simultaneidade pode abafar o debate autárquico face a luta política nacional.
Ab.
LC
De Luís Castro a 26 de Junho de 2009 às 15:21
Para quem fez as contas,
a poupança não será substancial.
Não sei.
LC
De Antonio a 25 de Junho de 2009 às 20:55
VOLTA??? QUAL VOLTA???
... Fica tudo na mesma!
Só muda o recipiente!
De Luís Castro a 25 de Junho de 2009 às 21:25
E as moscas...
LC
De jts a 25 de Junho de 2009 às 21:38
Pois é, mudam as moscas e tudo o mais fica na mesma...!
Nesta santa terrinha, passa-se a mesma coisa. Pela primeira vez em 35 anos, o PSD não tem candidato.
O Pinto de Moura está cançado e as alternativas não existem. Assim, fica tudo mais fácil para os que estão famintos pelo poder. Aguardemos.
Um abraço para si e para a sua Mãe.
JTS
De Luís Castro a 26 de Junho de 2009 às 15:23
Precisam de um candidato???
Presente!!!
Rsssss
Ab.
LC
De jts a 26 de Junho de 2009 às 15:30
Obviamente...!!!
É isso mesmo, um bom candidato e se possível jornalista, nascido na região...
Era sorte de mais...!!!
Há aqui boa matéria para noticiar, mesmo na televisão.
Apareça caro amigo e será bem recebido.
Um abraço,
Teixeira da Silva
De Luís Castro a 26 de Junho de 2009 às 15:52

Proponha-me a candidato que ainda me tenta...
Rsssssss
Ab e bom fds.
LC
De ACCB a 25 de Junho de 2009 às 21:51
Isto já deu uma volta?? Isto tinha de dar uma volta!
De Luís Castro a 26 de Junho de 2009 às 15:23
Sem sair do mesmo sítio...
Bj
LC
De jam a 26 de Junho de 2009 às 04:56
È espantoso que a sra. Ferreira Leite se preocupe com uma empersa de telecomunicações. Espero que não seja para quando, hipoteticamente, for primiera ministro indicar aos jornalistas aquilo que devem divulgar, como a Excelentíssima Senhora afirmou, e, os meus caros confrades esqueceram.
Acho ainda mais espantoso que o professor universitário que, no momento é o meu Presisdente, se preocupe com o facto. Acho espantoso, porque a memória náo é tão curta quanto isso, para que não me esqueça que Sua Excelência calou duranteb todos estes anos o facto de um seu Ministro fazer, diariamente, o alinhamento do Telejornal.
Com o devido respeito, como diziam os chilenos ... é oe meu Presidente! Mas,já chega, há livrarisas mais que suficientes para perceber a realidade portuguesa.
Quanto ao caso do Provedor, PS e PSD podem lavar as mãos que lhes não daremos a toalha para se limparem, pois pelo meio fica o achincalho a que sujeitaram o Prof. Dr. Jorge Miranda e outros, como se uma vida de estudo, dignidade, qualidadee profissional fosse compaginável com a execrável disciplina patidária de um para mim o outro para ti, até um de nós pensar, e não dizer, o contrário.
De Luís Castro a 26 de Junho de 2009 às 15:31
Por vezes temos de nos distanciar para poder ler a realidade...
LC
De RUI FERREIRA a 26 de Junho de 2009 às 10:15
É DEMOCRÁTICO HAVER "MUDANÇAS DE PODER",MAS A QUESTÃO GRAVE É QUE NÃO VAI MUDAR NADA.
NA MINHA "OPINIÃO", FAR-SE-Á UMA RECICLAGEM.
ISTO É: QUANDO O PS ESTIVER NA OPOSIÇÃO, AS CRÍTICAS NÃO VÃO FALTAR.
EU JÁ NÃO ME ILUDO COM OS "POLÍTICOS"....
SE A MFL CHEGAR A SER 1ª MIN. QUEM VAI GOVERNAR É O PR.
EU NÃO ME ILUDO. JÁ TENHO FORMADA A MINHA "CONVICÇÃO POLÍTICA".
FAÇO UM AVISO SE ME PERMITEM. NÃO TENHAM ILUSÕES.....
UM ABRAÇO A TODOS OS INTERVENIENTES E AO AUTOR DO TEMA.
RUI
De Luís Castro a 26 de Junho de 2009 às 15:38
Só trocam de posição...
Ab e bom fds.
LC
De A Simões a 26 de Junho de 2009 às 12:12
Desde o 25Abr74 que isto tem dado muitas voltas, hoje,lamentavelmente, estamos mais deprimidos e parece-me menos pró-activos do que nunca.
Ah! estes politicos da treta...
De Luís Castro a 26 de Junho de 2009 às 15:38
Tantas voltas que já estamos tontos!
LC
De Valter Marques a 26 de Junho de 2009 às 14:14
É possível que isto tenha dado a volta. Nunca esperei dizer isto, mas a crise financeira é que deu a volta a isto. Antes deste abalozinho, como diz MFL, poderia vir quem viesse que jamais alguém poderia vencer José Sócrates. A dúvida era apenas saber se venceria com ou sem maioria. Neste momento, e para felicidade do PSD, as coisas mudaram e há a´forte hipótese de o PSD vencer as eleições.
Na minha opinião será a maior injustiça da história da democracia. Nem Cavaco fez uma governação tão boa, tendo em conta as condições em que esta foi feita. Os mesmos que endividaram o país, vêm agora falar em endividamente externo como sendo os D. Sebastiões que se aproximam.
Para o bem de Portugal, darei a cara por Sócrates.
De Luís Castro a 26 de Junho de 2009 às 15:46
E faz muito bem.
Temos de ser coerentes.
Se é assim que pensa, acho bem que o leve até ao fim.
Ab.
LC
De Pedro Oliveira a 26 de Junho de 2009 às 15:16
também escrevi sobre o assunto e a minha opinião é esta:
Eleições no mesmo dia, Sim ou Não?
O debate sobre esta questão, no twitter e blogosfera, não pára. As opiniões são imensas e os argumentos são válidos de parte a parte, mas afinal o que é melhor para o País e para a Democracia?

Eu sinceramente acho que o melhor será as eleições ocorrerem no mesmo dia, podia ficar pelo argumento económico/financeiro e poupar 10 milhões de euros ( o custo de cada acto eleitoral), mas não vou ,só, por aí.

Pelo que tenho lido as duas eleições têm de ocorrer entre o dia 20 de Setembro e 11 de Outubro, um espaço de tempo insignificante e que na prática vai levar a que as campanhas se sobreponham, depois penso que dois actos eleitorais tão próximos fai fazer com que a abstenção em uma delas,eleições, seja muito elevada, mais que o habitual: " ainda agora votei, vou ter que votar outra vez??!!!" , e por fim é minha opinião que os Portugueses já são democraticamente crescidos para saberem fazer a diferença entre uma coisa e outra.
http://vilaforte.blogs.sapo.pt/207347.html
De Luís Castro a 26 de Junho de 2009 às 15:48
Visto.
LC
De Helder a 26 de Junho de 2009 às 16:55
Olá Luis.

Não merece o teu respeito e merece o teu voto? Vês porque eu falo dos votos em branco...

Bom fim-de-semana .
De Luís Castro a 28 de Junho de 2009 às 17:58
Estou a pensar criar o partdo do voto em branco...
LC

Comentar post

Reportagem Angola - 1999



Reportagem Iraque - 2005


Reportagem Guiné - 2008


Reportagem Guiné - 2008


Reportagem Afeganistão - 2010

Livros

"Repórter de Guerra" relata alguns dos conflitos por onde andei. Iraque, Afeganistão, Angola, Cabinda, Guiné-Bissau e Timor-Leste. [Comprar]



"Por que Adoptámos Maddie" aborda o fenómeno mediático gerado à volta do desaparecimento de Madeleine McCann. [Comprar]


Sugestões para reportagem



Milhão e meio de portugueses elegem diariamente o Telejornal da RTP.
E porque o fazemos para vós, quero lançar-vos um desafio: proponho que usem o meu blogue para deixarem as vossas sugestões de reportagem.

Luís Castro
Editor Executivo
Informação - RTP

E-mail: cheiroapolvora@sapo.pt

Perfil

Jornalista desde 1988
- 8 anos em Rádio:
Rádio Lajes (Açores)
Rádio Nova (Porto)
Rádio Renascença
RDP/Antena 1

- Colaborações em Rádio:
Voz da América
Voz da Alemanha
BBC Rádio
Rádio Caracol (Colômbia)
Diversas - Brasil e na Argentina

- Colaborações Imprensa:
Expresso
Agência Lusa
Revistas diversas
Artigos de Opinião

RTP:
Editor de Política, Economia e Internacional na RTP-Porto (2001/2002)
Coordenador do "Bom-Dia Portugal" (2002/2004)
Coordenador do "Telejornal" (2004/2008)
Editor Executivo de Informação (2008/2010)

Enviado especial:
20 guerras/situações de conflito

Outras:
Formador em cursos relacionados com jornalismo de guerra e com forças especiais
Protagonista do documentário "Em nome de Allah", da televisão Iraniana
ONG "Missão Infinita" - Presidente

Obras publicadas:
"Repórter de Guerra" - autor
"Por que Adoptámos Maddie" - autor
"Curtas Letragens" - co-autor
"Os Dias de Bagdade" - colaboração
"Sonhos Que o Vento Levou" - colaboração
"10 Anos de Microcrédito" - colaboração

Pesquisar blog

Arquivos

Abril 2016

Janeiro 2016

Outubro 2015

Junho 2015

Maio 2015

Fevereiro 2013

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Agosto 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Categorias

política

economia

angola 2008

iraque 2008

sexo

afeganistão 2010

mau feitio

televisão

eua

mundo

amigo iraquiano

futebol

curiosidades

telejornal

saúde

iraque

missão infinita

religião

repórter de guerra - iraque

euro2008

guiné

humor

repórter de guerra - cabinda

acidentes

criminalidade

jornalismo

polícia

segurança

solidariedade

rtp

sociedade

terrorismo

afeganistão

caso maddie

crianças talibés

desporto

diversos

férias

futuro

justiça

todas as tags

subscrever feeds