Segunda-feira, 12 de Outubro de 2009

"SEM ENCENAÇÕES"

Sócrates acabou de ser indigitado para formar governo.

 

O líder do PS anunciou que vai falar com os restantes partidos e que parte para essas reuniões com "espírito aberto e coração limpo", garantindo que não vai com preconceitos ou encenações.

 

O também primeiro-ministro quer um novo “clima político” e pede um governo de 4 anos.

 

Concordo.

Portugal não pode andar de eleições em eleições.

Mas parte dessa responsabilidade estará na capacidade – ou não – deste PS em dialogar.

 

E vocês, quem gostariam de ver neste governo de Sócrates?

 

Luís Castro

 

publicado por Luís Castro às 12:23
link do post | comentar
28 comentários:
De Fátima a 12 de Outubro de 2009 às 13:02
Todos os partidos têm bons e menos bons elementos (para já não dizer maus) que poderiam perfeitamente fazer parte deste governo.
Acho que seriam de manter os ministros das Finanças e da Saúde.
Poderiam entrar Paulo Portas (para Administração Interna), Francisco Louçã (para Solidariedade), António Vitorino.
Perfeitamente dispensáveis os actuais ministros da Agricultura, Educação, Obras Públicas.
De Luís Castro a 12 de Outubro de 2009 às 17:37
Visto.
LC
De Virgínia a 12 de Outubro de 2009 às 14:56
Boa tarde Luís
Primeiro vou gostar de saber quem são "Os Eleitos", depois comento.
Há sempre boas e más escolhas, espero que o nosso Primeiro esteja inspirado.
Beijo
De Luís Castro a 12 de Outubro de 2009 às 17:46
Quando se souber,
deixarei para que vcs comentem.
Bj
LC
De Luís Castro a 12 de Outubro de 2009 às 18:26
Quando se souber,
deixarei para que vcs comentem.
Bj
LC
De Anónimo a 12 de Outubro de 2009 às 16:33
gostaria de ver um governo de poucas pastas e poucos secretários de estado. acho vergonhoso a quantidade de dinheiro que se gasta nesta país no staff governamental. onde é que já se viu um secretário de estado ter direito a nomear 6 pessoas?! escandaloso para um país que vive em contenção orçamental... é o que temos.
De Luís Castro a 12 de Outubro de 2009 às 18:26
Visto.
LC
De Cláudia a 12 de Outubro de 2009 às 17:53
Aguardo com curiosidade...
Bj.
C.
De Luís Castro a 12 de Outubro de 2009 às 18:27
Também eu...
Bj
LC
De Cláudia a 12 de Outubro de 2009 às 18:44
Espero primeiro para dizer mal depois. ;-)
Bj.
C.
De Luís Castro a 12 de Outubro de 2009 às 19:18
Que má!
LOL
LC
De Cláudia a 12 de Outubro de 2009 às 19:53
Má, não. Honesta. Verdadeira. Transparente. :-)
Bj.
C.
De Luís Castro a 13 de Outubro de 2009 às 00:41
Somos dois.
Mas, ó minha amiga, ser assim, de dia só me tem dado dores de cabeça.
À noite, é uma tranquilidade!!!
Bj
LC
De Cláudia a 13 de Outubro de 2009 às 00:49
A mim também já me deu muitos amargos de boca... Mas o que hei-de fazer? Sou assim. A culpa é do meu pai. Saí a ele. :-)
Bj.
C.
De Luís Castro a 13 de Outubro de 2009 às 00:52
Não mude.
Ser assim incomoda muita gente, mas deixa-nos tranquilos interiormente.
bj
LC
De Cláudia a 13 de Outubro de 2009 às 01:04
Não mudo, não. Mesmo que quisesse, acho que não há nada a fazer.
E quando tenho chatices, atiro a culpa para o pobre do meu pai. :-) O ADN é tramado! ;-)
Bj.
C.
De Luís Castro a 13 de Outubro de 2009 às 15:31
Visto.
LC
De jorge a 12 de Outubro de 2009 às 18:57
Pode até dar-se o caso de eu ter percebido mal mas, foi o PS que ganhou as legislativas? O Louçã a ministro... xiça!

Ah... já agora, parece-me importante manter a ministra da educação! Sei que não dá popularidade, mas que diabo... as eleições já passaram!
De Luís Castro a 12 de Outubro de 2009 às 19:19
Vcs estão todos muito corrosivos!
LOL
Ab.
LC
De Luís Castro a 12 de Outubro de 2009 às 19:24
Visto.
LC
De Nina Abreu a 12 de Outubro de 2009 às 20:12
Jorge, a manter a ministra da educação seria dar um tiro no pé. Ninguém quer instabilidade política num país depauperado economica e financeiramente, logo, o 1º ministro já provou do fel pelo facto de não ter mudado a equipa de educação de má memória. Mudou a equipa da saúde ( o respeitinho é muito bonito!) mas avançou, pela permanência da equipa da Educação que lhe provocou dois tsunamis: as eleições europeias e as legislativas. Muitas vezes nem são as políticas de per si, mas a falta de sentido de estado da tríade que contribuiu para a erosão do governo.
Esse desejo do Jorge só pode camuflar o desejo último da dissolução, a breve prazo, deste governo.
De Luís Castro a 13 de Outubro de 2009 às 00:43
Visto.
LC
De Maria Araújo a 12 de Outubro de 2009 às 21:49
Olá.
Independentemente de quem vai ocupar os lugares da Assembleia, só espero que José Sócrates esteja mais aberto e decidido a dialogar, o que dizia que fazia e não fez no mandato anterior.
Menos arrogância, menos corrupção e mais transparência.
O povo, penso eu, deu mais uma oportuindade. Que não a deixe fugir e entenda que o povo sbe o que quer, mas com seriedade.
Beijinho
De Luís Castro a 13 de Outubro de 2009 às 00:46
Bjs
LC

Visto.
De Miguel Araújo (migas das arábias) a 13 de Outubro de 2009 às 01:29
Não sendo da cor política, acho que o Ministro das Finanças devia continuar, Pedro Silva também e o Ministro dos Negócios Estrangeiros Luís Amado.
Tenho dúvidas quanto a Ana Jorge...
Aqui em Aveiro já se falou na Reitora da Universidade de Aveiro para o Ensino Superior e Tecnologia... não era má opção.
cumprts
De Luís Castro a 13 de Outubro de 2009 às 15:32
Abraço.
LC
De Ana Paula Albuquerque Almeida a 13 de Outubro de 2009 às 15:06
Gostaria, precisamente, que imperasse o diálogo e não o espírito de "bota-abaixo” entre o governo e a oposição. É pena que só agora, e por razões óbvias, Sócrates tenha aberto o espírito nesse sentido.
Devo dizer que até achei bem tomadas algumas das medidas mas talvez tivesse sido mais bem sucedido se já tivesse tido essa atitude.
Será impossível haver sempre consenso entre uns e outros, seja com este ou outro governo, com esta ou outra oposição, mas todos deveriam esforçar-se por aproveitar as sugestões/opiniões que fossem benéficas para o desenvolvimento do país, viessem elas da esquerda, do centro ou da direita. O importante é que houvesse um maior entendimento entre todas as partes, pois parece-me que todos terão interesse na melhoria das condições de vida. Contudo, algo me diz que esta minha visão não passa de uma utopia e que tal tentativa de Sócrates será "sol de pouca dura"!

Bjs
De Luís Castro a 13 de Outubro de 2009 às 15:40
Bjs
LC

Comentar post

Reportagem Angola - 1999



Reportagem Iraque - 2005


Reportagem Guiné - 2008


Reportagem Guiné - 2008


Reportagem Afeganistão - 2010

Livros

"Repórter de Guerra" relata alguns dos conflitos por onde andei. Iraque, Afeganistão, Angola, Cabinda, Guiné-Bissau e Timor-Leste. [Comprar]



"Por que Adoptámos Maddie" aborda o fenómeno mediático gerado à volta do desaparecimento de Madeleine McCann. [Comprar]


Sugestões para reportagem



Milhão e meio de portugueses elegem diariamente o Telejornal da RTP.
E porque o fazemos para vós, quero lançar-vos um desafio: proponho que usem o meu blogue para deixarem as vossas sugestões de reportagem.

Luís Castro
Editor Executivo
Informação - RTP

E-mail: cheiroapolvora@sapo.pt

Perfil

Jornalista desde 1988
- 8 anos em Rádio:
Rádio Lajes (Açores)
Rádio Nova (Porto)
Rádio Renascença
RDP/Antena 1

- Colaborações em Rádio:
Voz da América
Voz da Alemanha
BBC Rádio
Rádio Caracol (Colômbia)
Diversas - Brasil e na Argentina

- Colaborações Imprensa:
Expresso
Agência Lusa
Revistas diversas
Artigos de Opinião

RTP:
Editor de Política, Economia e Internacional na RTP-Porto (2001/2002)
Coordenador do "Bom-Dia Portugal" (2002/2004)
Coordenador do "Telejornal" (2004/2008)
Editor Executivo de Informação (2008/2010)

Enviado especial:
20 guerras/situações de conflito

Outras:
Formador em cursos relacionados com jornalismo de guerra e com forças especiais
Protagonista do documentário "Em nome de Allah", da televisão Iraniana
ONG "Missão Infinita" - Presidente

Obras publicadas:
"Repórter de Guerra" - autor
"Por que Adoptámos Maddie" - autor
"Curtas Letragens" - co-autor
"Os Dias de Bagdade" - colaboração
"Sonhos Que o Vento Levou" - colaboração
"10 Anos de Microcrédito" - colaboração

Pesquisar blog

Arquivos

Abril 2016

Janeiro 2016

Outubro 2015

Junho 2015

Maio 2015

Fevereiro 2013

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Agosto 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Categorias

política

economia

angola 2008

iraque 2008

sexo

afeganistão 2010

mau feitio

televisão

eua

mundo

amigo iraquiano

futebol

curiosidades

telejornal

saúde

iraque

missão infinita

religião

repórter de guerra - iraque

euro2008

guiné

humor

repórter de guerra - cabinda

acidentes

criminalidade

jornalismo

polícia

segurança

solidariedade

rtp

sociedade

terrorismo

afeganistão

caso maddie

crianças talibés

desporto

diversos

férias

futuro

justiça

todas as tags

subscrever feeds